Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AO QUERIDO RIO SÃO FRANCISCO

              AO QUERIDO RIO SÃO FRANCISCO

O grande e  rico Rio São Francisco, maravilhoso que era, definha, enfraquece, agoniza aos poucos pelos caminhos aonde já foi Rei.
Curvo- me à tua grandeza, ao teu desapego gerado pela consequência dos atos humanos que destruíram a natureza que preserva o teu habitat.
Alegravas e alimentavas todos os ribeirinhos e as cidades às tuas margens.
Dobro-me diante de ti, da tua dor, na esperança de que os céus ainda possam enviar chuva suficiente para voltar a alegria do Rio que orgulha a todos, da sua nascente na Serra da Canastra, em Minas Gerais, até o seu encontro com o mar, em sua foz, no Estado de Sergipe.
Rogo aos céus por teu retorno aos velhos tempos, Velho Chico!
Saúdo a tua nobreza, pois quem é Rei não perde a Majestade, mesmo nos momentos difíceis dessa guerra injusta!
Minha humilde Reverência, Rio Rei São Francisco!
Deus, envia água em abundância para restaurar o nosso querido e Velho Chico!

             Dalva da Trindade S. Oliveira
                    (Dalva Trindade)
                        03.11.2017
Número do Registro de Direito Autoral:153791731124760100
Dalva da Trindade S Oliveira (Dalva Trindade)
Enviado por Dalva da Trindade S Oliveira (Dalva Trindade) em 03/11/2017
Reeditado em 26/09/2018
Código do texto: T6161306
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite a autoria de Dalva da Trindade S Oliveira e o site da publicação). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Dalva da Trindade S Oliveira (Dalva Trindade)
Salvador - Bahia - Brasil
323 textos (16995 leituras)
54 áudios (2491 audições)
2 e-livros (67 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/18 17:04)
Dalva da Trindade S Oliveira (Dalva Trindade)