Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

As palavras que você não me disse

 As palavras que você me disse não saem da minha cabeça, todas as noites parece que eu ainda ouço a sua voz me dizendo aquilo... Quando olho para o ontem e vejo tudo o que somos hoje, chego à conclusão de que pioramos, mas pelo menos eu sei que piorei, porque estou sem você, e admito que estou mal, já você finge por fora que esta bem, mas por dentro eu sei que você esta mal, por que nós somos almas gêmeas, e como sempre, se estou bem você esta bem, se estou mal você esta mal, e eu só estava bem com você, então você só estava bem comigo.
  Eu tento entender porque a vida é assim, mas não consigo, as palavras que eu mais queria te ouvir dizer, foram as que você não me disse, os momentos que eu mais sinto saudades, são aqueles que não vivemos; tudo na vida tem um porque, mas em se tratando de amor, ele é o próprio porque.
  Ás vezes quando eu me olho no espelho, pareço não conseguir me enxergar, a minha cara parece ser diferente daquela que eu via quando eu olhava nos seus olhos, antes todos os meus dias eram feito um céu azul, hoje eles são uma tempestade intensa; Me falta o brilho, que eram seus olhos.
  Da sua ida eu herdei a dor, a saudade, e as lembranças, coisas que antes não faziam parte de mim, você me mudou quando eu te encontrei, E me mudou quando se foi, mas destas mudanças a que mais me fez bem, foi a q você fez dentro de mim, pois quando eu te encontrei eu tive a certeza que Deus existe.
  Hoje, tudo o que eu queria era te ver, afinal, quando as coisas começam a dar errado significa que a saudade está muito forte, pois quando eu me lembro de você não consigo prestar atenção em mais nada, apenas na sua voz em minha cabeça, como eu queria te ver amor, e como eu queria ouvir as palavras que você não me disse.
Hugo B
Enviado por Hugo B em 04/09/2007
Reeditado em 06/09/2007
Código do texto: T638508

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Hugo Barboza). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Hugo B
Santo André - São Paulo - Brasil, 34 anos
27 textos (12516 leituras)
3 áudios (30 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 19:14)
Hugo B