Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

São Paulo, 10 de Julho de 2018.

Saudações Caro Senhor Deus.

Que minha estimada carta o encontre bem em teus preciosos afazeres.
Senhor, apresento minha vida, que anda meio destruída talvez por mim mesma. Sei que muito me afastei de tua presença, sei que minha crença mudou muito do que era quando era apenas um/uma infante. Hoje sei que estou distante, e que a vida está em nanobytes, mas ainda assim, venho aqui, no estilo da escrita, que iniciei em minha vida, até recordo de tantas cartas enviadas e recebidas em minha vida.
Hoje, Senhor, sei que não estou feliz, errei e muito com as pessoas, mas quantos comigo erraram e estão bem, estão sem consciência, e eu Senhor, perdendo a cada dia mais, a paciência, a saúde, a própria inocência.
Minha vida está um caos, e eu me sinto sugada por um grande buraco negro.
Me perco na desilusão do mundo. Não confio em nenhuma religião, mas sei que me destes um dom, e aqui estou em minha instabilidade, para tentar entender esse mundo.Hoje tantos valores se perderam e inverteram, pessoas, vão as igrejas para conseguir bens materiais, e eu só queria o suficiente para pagar as dívidas, e dar um pouco mais de conforto aos meus, filhos, esposo(a), pais. Queria deixar de ver tanto sofrimento, é e o Senhor, sabe o quanto já sofri nessa vida, até enlouquecida, pedi na última sexta, dia 6/7/18, que os jogadores brasileiros perdessem, pois, estava cansada das injustiças que nos fazem, e tudo era gerado em pró de uma (desculpe-me a fala), merda de jogo. E, eu não aguentava mais. Pois, ver cirurgias canceladas, pessoas desocupdas, e sem contar os baba-ovos parassem de falar. Chega, o país num caos político, e eu não acredito em tanta bajulação a seres que muitas vezes sem estudo, ganham melhores que os verdadeiros trabalhadores nesse nosso país.
Enfim, Senhor, sou sim criticada por ser sincera, e o Senhor, sabe que a vida é assim para mim, pois não sei mais o que fazer, e nesse pedido, percebi que realmente gostava de mim, pois o fiz em desespero, e hoje apenas agradeço, pois só o Senhor, viu minha situação.
Então, Senhor, hoje sei que a vida me isola a cada dia, nem mesmo o escrever poesias me atraia com tanta facilidade, e eu na verdade, queria um Maravilhoso Mundo, sem drogas, sem pcc ou comando vermelho, sem mulheres que são atraídas por bandidos, sem crianças com armas, sem territoriaristas universais, sem corrupção na Política, sem pessoas da mesma profissão, como os professores, humilhassem uns aos outros.Enfim, Senhor, tantos outros pontos... E, que as pessoas, seres humanos, respeitassem toda a Vida no Planeta Terra, que anda morrendo, sendo por nós assassinados, ao sermos tão consumidores das coisas, a viver das diretrizes da moda, enfim, Senhor, desculpe-me mais uma vez, mas é foda ver tudo isso, será que realmente nasci na época certa? Tenho as incertas dificuldades de analisar. Preciso de ajuda, e meu Senhor, só a ti posso recorrer, e sentir novamente o prazer em viver.
Senhor, está se alongando meu escrito, por isso, vou ficando por aqui, e peço ajuda, e vivenciar realmente a Paz, enfim Senhor, sei que errei demais, e peço desculpas, e um pedido que me ensine a perdoar, e agir com mais moderação, não quero tirar vantagem dos meus irmãos. Quero ser feliz, curar a cicatriz que muitas vezes sangra e muito, mas as pessoas não percebem. 
E, nesse momento, agradecer a retirada dos Meninos da Tailândia, que ficaram 18 dias numa caverna, isso é um bom sinal de Teu Amor, e eu dedico, Senhor, essa carta, ao herói mergulhador que partiu, tentando voluntariamente salvar a vida desses meninos.
Senhor, me despeço, e peço faça o sorriso voltar aos meus lábios e a minh'alma, e que eu me acalme em todos os momentos.
Senhor, esses são um pouco dos meus sentimentos.
Paz e bem
Tua Criatura, 
Tereza Cristina G Castro.
9:04h. Dia friozinho de inverno. Terça-feira. São Paulo. Brasil.
Teka Castro
Enviado por Teka Castro em 10/07/2018
Reeditado em 10/07/2018
Código do texto: T6386107
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Teka Castro
São Paulo - São Paulo - Brasil, 51 anos
1563 textos (32452 leituras)
10 áudios (196 audições)
1 e-livros (37 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/11/18 23:43)
Teka Castro

Site do Escritor