Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR CRUEL

Entre tantas coisas lindas e boas que vivemos,
Porque ser assim..?
Não me digas com ironia o que sabe que não posso ouvir.
Isto é cruel...
Cruel comigo e cruel consigo.
Perdemos tempo precioso, brigamos, ofendemos e nos atacamos
por meu amor ser assim improporcional, bati, mas bati com o coração,
impulsivamente e cegamente pacionado.
Doeu muito mais em mim que em você, feri o meu amor e a mim mesmo,
Minha alma chorou
Desculpe, peço lhe, do fundo deste meu coração, que lhe deseja o bem, e não cabe tal baboseira. Não o faça mais.
Sejamos felizes, um com o atrativo do outro.
Tentemos uma forma ainda mais discreta e melhor para nós.
Sem ressentimentos, por favor, sem meias palavras.
Puro propósito, pura vontade e puro prazer.
Este entre nós é grande demais.
Não minta suas vontades, deixe-me sacia-la ao maximo,
Sem dia nem hora marcada, dependamos apenas do prazer.
Os opostos se atraem, e não é diferente entre nós.
Não tente ser o que você não é.
Te amo com todas as forças do meu coração,
sei que também me ama, então não tente disfarçar e trate me bem.
Nunca faremos sexo sem o amor nos contagiar,
E quando acontecer procuremos reestabelece lo,
Pra isso não precisamos correr riscos,
nem nos machucar.
Lii Lito
Enviado por Lii Lito em 15/09/2007
Código do texto: T653556

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (ito iito "www.sitedoautor.net) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lii Lito
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 55 anos
211 textos (12220 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 20:58)
Lii Lito