Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Carta de Despedida

Tenho que desafabar....

As vezes me ponho a pensar e chego a seguinte análise: "Não importa a circunstância se existe amor tudo se releva" Talvez seja isso que te faça viver desta forma! Talvez o amor não seja de fato um sentimento que se lute para tê-lo. Pois para relevar, tantos absurdos só amando intensamente! É como eu sempre falava:"No fim das contas acabarei só" Não posso Negar Janeiro foi o Pior mês, o Mês que passei um verdadeiro inferno onde a Traição veio dos 4 cantos, o Mês mais atribulado, Amigos me dando as costas, pessoas que diziam me amar me abandonado.... Pensei que não ia resistir a tanta coisa.. Eu não entendia o porquê desta tempestade... Mais para nascer os frutos tem que se molhar o solo....  E para minha surpresa Tive uma boa Colheita, apesar de ser Rotulda de tantas coisas ruins, tive a Graça de colher frutos Bons! E que se foi pedido Justiça eu não tive nehum dano. No Amor nem tudo se releva! No Amor nem tudo se Aceita! Mais para muitos  o amor é apenas sexo. E para muito acomodação! Mais Não JULGO, CADA UM TEM SUA FORMA DE AMAR... E SÓ QUEM PODE JULGAR É DEUS!!!
 No dia Que quiser falar comigo novamente se sinta a vontade! Meu número continua o mesmo! Podemos ter uma Amizade saudável e Tranquila... Sinta-se à vontade para voltar quando desejar!

Por enquanto darei um tempo nas Escritas do recanto.. a Pagina do face ainda está lá.. porém não sei até quando!

Deixo aqui um Abraço carinhoso a todos meus amigos do Recanto!. Não é um Adeus é só um Até logo!
 
Rosa Bela
Enviado por Rosa Bela em 25/06/2019
Código do texto: T6681435
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rosa Bela
São Paulo - São Paulo - Brasil
494 textos (11280 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/07/19 09:20)
Rosa Bela