Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Que seja feliz, mas nem tanto.

São quase sete da manhã.
Ainda não dormi.
Mas lembro bem o gosto da despedida.
O som dos seus pés saindo pela porta.
A janela não bateu.
Como de costume, o cão latiu e não fomos mais.
Não somos mais.
Há tanto.

Faz algum tempo que o copo está vazio.
E sua voz não ressoa.
O eco é mudo e não canta.
As paredes não gritam, em greve.
Todas as roupas se foram e não tem mais música.
Nenhuma cafonice no rádio agora.

Eu gostaria, mas não posso.
Espero que na sua janela tenha uma voz dividindo a canção com você.
E as memórias sejam eternas, como o gosto ruim que ficou.
Que seja feliz, mas nem tanto.
Que você sorria, amarelo.

s.l.g.d².
Tatiana Marques (Tath)
Enviado por Tatiana Marques (Tath) em 07/05/2020
Código do texto: T6940566
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Tatiana Marques (Tath)
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil, 32 anos
693 textos (24220 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/05/21 04:09)
Tatiana Marques (Tath)