Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Para mim número 1

Querido diário. Hoje venho escrever para você. Estrear esse momento. Queria dizer que hoje sonhei. Como todas as noites veio um sonho estranho, mas era diferente da realidade. Eu tava numa casa e pessoas queridas me cobravam ações que julgavam que eu tinha de realizar. Me senti perseguido e fiquei magoado. Nesse sonho eu estava lavando a louça e a raiva fazia parte dos meus pensamentos.
Acordei ainda ressentido. Poxa que mundo estamos? Já se passou mais de um mês desse lockdown. Os pensamentos tentam escapar da dor. Tento me entreter em programas televisivos, em leituras, em futebol, em séries, mas o tempo parece parado. As notícias são péssimas. A morte de gente conhecida. Como o comunicador Wil Nogueira e o cantor Agnaldo Timóteo. E saber que Paulo Gustavo está respirando por ajuda de aparelhos e que o pulmão artificial custa 30, mil reais por dia. Ou seja, nem todo mundo tem chance de escapar de uma doença dessas sem dinheiro. O fim da maioria que é intubada é a morte mesmo, infelizmente.
A sensação de alívio de está ainda vivo é gigante. Mas a tristeza de ver tudo parado, de ver que as coisas mais simples de fazer, como ir ao cinema, ir ao estádio de futebol não podemos fazer é frustrante.
E estou aqui a cada dia vivendo sem saber o que pode acontecer comigo ou com alguém próximo e querido. Testemunhamos tempos sombrios, tempos obscuros. E não temos escolha, a não ser orar a Deus, a esperança de que tudo isso tem um propósito de estar acontecendo. Assim ficamos mais aliviados e crentes na dimensão do que estamos vivendo. Já passei por diversos problemas na vida. Questionamentos, dúvidas. Todo momento me pergunto sobre coisas que poderia fazer ou não.
Admito que uma das coisas que me faz falta é uma companhia. Alguém para partilhar momentos, construir pontes para novos tempos. Mas as pessoas que venho teclando na internet e que conheci em aplicativos de namoro, ainda não se encaixaram na minha realidade. São pessoas que ainda tem a ilusão do homem salvador, que vai cuidar, que vai manter a pessoa financeiramente, que vai segurar as pontas. E eu quero uma mulher independente tanto nas finanças, quanto emocionalmente.
Carlos Emanuel
Enviado por Carlos Emanuel em 06/04/2021
Reeditado em 06/04/2021
Código do texto: T7225201
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Carlos Emanuel
Fortaleza - Ceará - Brasil, 41 anos
215 textos (5292 leituras)
9 áudios (472 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/04/21 03:12)
Carlos Emanuel