Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

E/MAIL/BERNARDO

Meu querido amigo-irmão, Bernardo, você decididamente não é o "analfabeto político".

Se eu saísse por aí dizendo o que penso sobre tudo isso, todos diriam que, além de analfabeta política, sou demente. Não importa o que pensa a maioria, pois que ela elegeu todos esses políticos de antanho e de hoje.

Já disse alguém importante que nada inventaram melhor do que a Democracia, e eu sou democrata e democrática até os fios dos cabelos pintados. Regime nenhum é bom e até o seriam todos, não fôssemos nós, seres humanos em forma de borrões. Até Fidel reconheceu que o socialismo só seria possível se todos fôssemos perfeitos e nos olhás
semos como irmãos.

Veja o que diz a Bíblia sobre Caim e Abel. Ulysses Guimarães afirmou que o poder causa até orgasmos. Observe as Monarquias, as Ditaduras, seja lá o que for.

Encontro-me anestesiada frente à História. Há sempre mocinhos e bandidos, exploradores e explorados, opressores e oprimidos, situacionistas e opositores. Não estou com isto desistindo, apenas constatando.

Mesmo amante da Democracia _ isto que a gente vive não é Democracia hoje, nem o foi em momento algum _ , quero dizer que há muito não escolho em eleições, por motivos velhos que se relacionam com as injustiças que me atingiram, os contrangimentos pelos quais me fizeram passar.

Até gostaria muito de votar, mas não me apresentaram motivos
para tal. E ninguém venha me dizer que fazendo assim estou ajudando a piorar a situação. É conversa mole para boi dormir, estou cansada, farta de ver a História se repetir. Os candidatos, em geral, fazem como namorados que se mostram ovelhas e, quando se casam, se tornam lobos maus. Chega de ser Chapeuzinho Vermelho

 A maioria dos que passaram nos cargos do poder sempre fez essas coisas, os que estão não são santos e estavam com décadas de fome. Aqueles que sabem onde acontece e onde faziam a corrupção (que é até bíblica), estão querendo de volta a mamata, não se dão por vencidos e fazem muito alarde como se fosse algo inédito, posando até de moralistas e indignados, mas estão é doidos para recomeçar.

O povo,diz o ditado, é a voz de Deus, quem sabe, neste dito popular mais se confirme  o saber comum.

Diogo Maynard e outros criticam e se perguntam sobre qual seria o motivo de Lula continuar na preferência popular, diante disto, diante daquilo... Pois respondo que estão se fazendo de tolos, o povo vê e sabe, e gosta,  pois se sente vingado, mesmo que o produto da corrupção não chegue ao seu bolso.

O povo adora futebol, cerveja, pagode e música bem brega _ e Lula é mesmo a verdadeira cara do povo, como aqueles personagens de O auto da Compadecida que,  no final, são perdoados. Ótimo!

Quanto à Imprensa, uma antiga paixão, mas que também deixa a desejar em alguns pontos, o principal é que a própria está em uma sociedade baseada no lucro e depende dele. É verdade que, para quase cem por cento dos indivíduos, há um preço pelo qual se desfazem de ideologias.

De uma forma ou de outra nós, aspirantes às verdadeiras Democracia e Cidadania, pagamos um alto preço para sermos infelizes excluídos do mais básico sentido da vida.

Um beijão e escreva sempre.
Tânia

TÂNIAMENESES
Enviado por TÂNIAMENESES em 20/11/2007
Reeditado em 20/11/2007
Código do texto: T744071
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
TÂNIAMENESES
Aracaju - Sergipe - Brasil, 69 anos
1684 textos (177196 leituras)
1 áudios (102 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 00:03)
TÂNIAMENESES