Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
O Amor sempre dá muita paz e tranqüilidade mesmo em momentos de crise que, por conta dele mesmo,  se tornam passageiras. Por isso sugiro esta ciranda. Todos estão convidados.


A Paz do  Amor


O amor chega, nos enche de paz
Tem energia para nos iluminar
Por esse amor sou capaz
De o mundo inteiro enfrentar!
  ( Marlene Vieira Aragão)

 
O amor, força que nos alavanca...
Nos dirige para um mundo de luz.
Como uma delicada nuvem branca,
que ao doce e terno repouso, induz!
 
   ( Zélia Nicolodi)


 De o mundo inteiro enfrentar
 Eu confesso, sou capaz
 Pois você é minha paz
 Por nosso amor irei lutar.
 ( Ângela Rodrigues



O amor é lindo e danado
 Entra sempre sem ser chamado
 Deixando o coração apaixonado
 Que vibra louco, emocionado.
( Dona ).


Chega o amor de mansinho 
Uma luz envolvente se faz 
Tudo é ternura e carinho 
Amor é a linguagem da Paz
 ( Anne Lorene )


 O amor que vem de longe
Chega bem devagarinho
Aninha-se no meu peito
 Que o enche de carinho, 
       (Mena.)  

"Quando preenche o coração,
 O amor nos faz delirar;
 Transforma a vida em canção,
 Em nós a Paz vem reinar! 
  
( Ângela Conde )

É do amor a paz de espírito 
Pois quem ama não sabe chorar
 Não faz do seu "Eu"o seu proprio inimigo
 Sorri para o mundo sem se preocupar.
 
 (   Phillip Ricardo )

Dou-te a mão
Afago seu coração...
Serenidade e perdão...
Mundo em transformação!
 ( Valéria Trindade)


Viver o Amor é como cuidar de um filho;
aconchegamos ao peito e o alimentamos,
- e apenas por ele, temos luz e brilho -
e eternizamos, em paz, aquilo que somos.
(Maria Quitéria)

Quando se ama, é para o bem.
A paz do amor é um tesouro
E vai além do amanhecer
 Um ao lado do outro. 
Mariza Brazil

08/08/2007 22:24 - Jorge Gil Gomes de Azeredo

* FORÇA DO AMOR *
O amor é a força 
que move a Terra,
Ilumina as estrelas
e faz o mundo girar.
Ele é o sopro da vida
que faz brotar a semente
E o passarinho cantar

*  Trecho do meu poema A FORÇA DO AMOR, publicado no Recanto das
Letras em 14/10/2006.

A PAZ DO MEU AMOR 
 
Quando na escuridão encontrava-me,
totalmente abatida e impotente,
e a vontade de viver esvaindo-se lentamente,
você chegou em meio a tanta dor
com palavras de alento, ditas tão carinhosamente.
Aos poucos tudo se acalma,
a luz da esperança acende-se novamente
e a vida se faz presente.
Não há mais, no coração, aquela dor
pois agora você é: a Paz do meu Amor.
 ( Ceres )

MVA
Enviado por MVA em 04/08/2007
Reeditado em 15/08/2007
Código do texto: T592528
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
MVA
São Paulo - São Paulo - Brasil
1964 textos (215127 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/05/21 13:13)