Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESSAS CURVAS...

Ela é loira , alta e tem aquele olhar, que ninguém sabe desvendar! Chegada tarde, em que tomava banho de sol na varanda de casa.  Vestida em trajes menores, cabelos longos e presos com ar de menina com tranças.

Bem, ela nunca esperava por alguém. Sempre misteriosa e auto suficiente. Com um colar miúdo, dourado e sem fecho. Ela adorava a liberdade de poder escolher tudo! E a todos! Os homens, a olhavam de soslaio, quando passeava pelas ruas, ao anoitecer.

Corpo esguio, curvas sinuosas e seios grandes para o corpo dela. Ombros belos; e do olhar, saiam faíscas  de vendavais espertos. Foi para a banheira e lá tinha velas e muita espuma com perfumes aromatizados.

Assim que acabou o banho, vestiu-se numa roupa vermelha bem decotada . Deixando seus seios quase à mostra. Nos pés, uma sandália dourada com lacinhos delicados. Que não combinavam muito com ela. Ah, essa Kate, poderosa fêmea, a ser caçada pelos famigerados homens...

Quando abriu a porta, lá estava seu ex namorado, chamado Guto. Um homem grande, bem  trajado e sequioso em lábios mordidos. Ela disse:  - Olá Guto, vou sair,  você quer algo?   Guto respondeu - Minha princesa, eu quero você comigo agora agora mesmo! Ela interpelou, e disse: - Mas, tenho um compromisso lá em Santa Maria.

Guto, disse: - Vamos, eu te levo. Hum - Ela respondeu: - Entra para bebermos algo, antes.... Estou morrendo de sede.

Bem, Guto entrou,  e  desatou a gravata e ela disse: Sejamos elegantes, não vá tirando  a roupa, sem saber se eu te quero...  Ele disse: Não se lembra dos velhos tempos, meu bem?

Kate o beijou, tornando-se dominadora e ofegante,  de desejos guardados para o Guto, que exaltado, se despiu todo.... Nossa, o clima começou a esquentar,  e os dois rolavam entre beijos e carícias no chão da sala de estar.

Kate levantou-se  e disse, - Guto, vamos para minha cama? Guto nem respondeu, mas, a encheu de carinhos e  despiu  seus pés lindos e delicados.

Kate começou a suspirar, entre gemidos e sussurros, que dava para ouvir´lá fora, da rua. Quando Guto, a beijou por fim, novamente. ela não resistiu e se entregou mais uma vez,  para ele.

Eles fizeram tantas estripulias ali mesmo, que acabaram dormindo juntos.

Ao acordarem, na seguinte manhã, Kate pediu para ele zarpar dali o quanto antes. Ele foi embora, sem ter chance segunda... Kate ficou ali pensativa e pensou que isso poderia ser um novo relacionamento. Mas, ela estava tão definida a sair e vibrar sua liberdade com amigos e seu filho. Que, nem sequer deu tempo para se refestelar mais...

Guto? Não sei.

Kate? Feliz, voando pela cidade que outrora  morava. Com asas de borboleta e pele dourada de amor. Feliz Kate, mas, a sombra de Guto a visitava nas noites seguintes.

Mas, ela tinha tantos compromissos, que não se dava a chance de ficar telefonando ou efetivando esse reatar. Por quê? Oras, ela  era feliz e realizada e não queria um homem para atrapalhar a vida dela.

Sempre feliz, Kate apagou as luzes e foi dormir de verdade, pois, acabara de sonhar tudo isso....

LMLBM
Luiza De Marillac Michel
Enviado por Luiza De Marillac Michel em 19/11/2019
Reeditado em 19/11/2019
Código do texto: T6798393
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Luiza De Marillac Michel
São Paulo - São Paulo - Brasil
1381 textos (69654 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/19 18:43)
Luiza De Marillac Michel