Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NETAS

-Maria Eduarda, tire os pés do sofá, por favor.
Daí a pouco.
-Duda, meu amorzinho, não pise nas almofadas da vovó.
Minutos depois.
-Cuidado com o tapete, Dudinha. Você vai sujá-lo com sorvete. Você sabia, minha lindinha, que casa de avô é chiqueiro de neto?
-O que é chiqueiro, vovó?
-É um lugar onde ficam os porquinhos. Eles fazem a maior bagunça, fuçam a terra e rolam na lama. Você e suas primas Isadora e Melina sujam a minha casa e quebram as minhas coisas.
-Eu nunca quebrei nada seu, vovó.
-Não? E a meu vidro de água benta?
-Vovó, vou falar a verdade. O vidro, o bendito vidro, quebrou sem querer. Eu o coloquei na mesinha, que escrevo, e esbarrei nele. Aí, quando ele caiu no chão, levei um susto e uma surpresa. Ele quebrou sem querer. Vovó, pode acreditar em mim. Foi muito, muito, muito sem querer mesmo!
   
                 
Anna Célia
Enviado por Anna Célia em 07/11/2007
Código do texto: T727469

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Anna Célia Dias Curtinhas _ http://annacelia.multiply.com/). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anna Célia
Vitória - Espírito Santo - Brasil, 71 anos
1158 textos (56221 leituras)
1 e-livros (219 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 13:26)
Anna Célia