Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

BRASIL- Safadezas em Brasília



 



 


De tanto eu ver safadeza
Lá  nosso planalto central,
Agora  eu tenho a certeza,
Que todo  político é  igual.
Ele nunca diz o que pensa.
Pra ele o crime compensa,
Pois a roubalheira é geral.

Eu já tentei fazer honesto,
Aquele que eu acreditava,
Cheguei até a defendê-lo,
Pois nunca o vira de perto.
Todos são como a pintura,
Quando nos aproximamos,
Vemos o defeito na textura.

Mas a culpa de tudo isso,
Por incrível que pareça
São de alguns eleitores,
Que parece uma besta.
Só acredita na mentira,
Troca o voto por botina
se vende em cada esquina.

Eu já não sei pra onde vai,
Com toda esta ignorância.
Enquanto o pobre se vende,
Os políticos enchem a pança.
Roubam sem nenhum pudor.
Mandam tudo pro o exterior
E fazem lá sua poupança.

Talvez haja em Brasília,
Um político que se salve
E que não seja tão venal.
Porém se eu me calar,
Não falar da roubalheira,
Eu me torno inconsciente
E passo a dizer só besteira.

Afinal de quem é a culpa,
Por toda esta bandalheira,
Alguns vão embromando,
E falam de uma maneira,
E todos os filhos da puta,
Ao povo vão enganando,
Vendendo nossa bandeira.

E por isso eu conclamo
A toda a gente da nação,
Nosso país está chorando,
Pois quer ir noutro caminho.
Só acabando com os ladrões
Vamos mudar a nossa história,
Avante, já chegou a nossa hora.



15/04/2011 -VEM
Vanderleis Maia
Enviado por Vanderleis Maia em 24/08/2011
Código do texto: T3178686

Comentários

Sobre o autor
Vanderleis Maia
Imperatriz - Maranhão - Brasil
1412 textos (122103 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/03/21 02:06)
Vanderleis Maia