Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A CRUZ NA BEIRA DA ESTRADA!!!


Na beira daquela estrada
Que pra longe nos conduz,
Já bastante desgastada
Pode se ver uma cruz,
Num pequeno pedestal
Que foi pintado com cal,
A muitos anos atrás,
Onde havia uma inscrição
Dando a identificação
De quem por ali jaz.

Ninguém mais conseguiria
Decifrar a tal escrita,
Que alguém colocou um dia
Mas o tempo nem cogita
Quando cisma em apagar
E assim naquele lugar
Onde existia o letreiro
Restam somente alguns traços
Que se resume a pedaços
Pois nada lá está inteiro.

Parei o carro e desci
Fui bem perto observar,
Um velho passava ali
E eu ousei lhe perguntar,
Se por acaso sabia
Informar-me quem jazia,
Nesse pedaço de chão,
Disse ele, eu sou Sabino!
Vivo aqui desde menino
Mas, nunca ouvi falar não.

Papai nasceu e viveu
Sempre nesse lugarejo,
E um dia me esclareceu!
Desde criança que eu vejo
No caminho essa cruzinha,
E quem por aqui caminha
Para e reza uma oração
Mesmo sem saber pra quem,
Está rezando, porém,
O que vale é a intenção.

Ele até me esclarecia,
Essa cruz é muito antiga
Seu avô já me dizia
Acho que foi uma briga
Que aqui aconteceu,
Aonde um dos dois morreu
E foi ali enterrado
Embaixo daquela cruz
Não sei se a história faz jus
Ou foi boato inventado.

Agradeci ao velhinho
E prossegui na viagem,
Porém da cruz do caminho
Guardei na mente a imagem,
Numa vila mais a frente
Onde eu parei novamente
Pra pedir informação
Minha busca foi frustrada
Ninguém sabia de nada
Sobre a cruz na região.

Continuei viajando
Porém não estava contente,
E assim fiquei pensando
Será que nenhum parente,
Daquele morto existia?
Porque ninguém conseguia
Encontrar um só vivente
Que deixasse esclarecido
O que teria ocorrido
De modo mais transparente.

Daquela cruz o mistério
Nada pude decifrar,
Levei esse caso a sério
Mas ninguém soube informar
Sobre esse acontecimento,
Porém ainda lamento
Não ter conseguido nada
Que esclarecesse o assunto
E nem quem foi o defunto
Da cruz na beira da estrada.

Carlos Aires
09/07/2020
Carlos Aires
Enviado por Carlos Aires em 11/07/2020
Código do texto: T7002927
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Carlos Aires
Carpina - Pernambuco - Brasil, 68 anos
1150 textos (314965 leituras)
331 áudios (50178 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/08/20 08:40)
Carlos Aires