Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OS SONETADÔ

Eu mi sinto muinto honrado
Mi incontrá na compania
Di gente bamba, letrado
Uma elite confraria
São poeta sonetista
I eu, caipira cordelista
Na batalha, dia a dia.

Sonetá é só pros bão
Poeta di latitude
Conto el's nas minha mão
Ocêis têin essas virrrtude
São grande sonetadô
Do soneto são dotô
Mas humirrrde di atitude.

Poris eu fico im meu canto
Canto anssim nesta setilha
Qui pra mim cêis é u incanto
Ninguém faiz co cêis parilha
Risco não um decassílabo
Ai, si muinto, um monossílabo
Vou trovano im redondilha.


--------------------------------------------------------------------------
          Uma singela e caipira homenagem a esses gigantes poetas,
          alguns dos quais relaciono abaixo,
          mesmo sabendo que a lista é incompleta:

                    Aila Brito
                    Ansilgus
                    DilsonPoeta
                    Eligio Moura
                    Esther Lessa
                    Fernando Cunha Lima
                    Geisa Alves
                    Gilberto Oliveira
                    HelioJSilva
                    Herculano Alencar
                    Janete Sales Dany
                    Jerson Brito
                    Jorge de Oliveira
                    Jota Garcia
                    Ricardo Camacho
                    Sander Lee
                    Sonya Azevedo
                    Stelo Queiroga
                    Yeyé Braga

Visitem suas escrivaninhas e deliciem-se com suas criações.
--------------------------------------------------------------------------


George Gimenes
Enviado por George Gimenes em 28/02/2021
Reeditado em 28/02/2021
Código do texto: T7195125
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
George Gimenes
Cambridge - Ontario - Canadá
484 textos (47975 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/04/21 15:22)
George Gimenes