Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um senhor de cabelos grisalhos

Meus cabelos já estão grisalhos, os anos já se passaram, e não tenho com quem compartilha-los, pensava consigo mesmo um  certo senhor.

Enquanto pesava em sua vida solitária, sentou-se ao seu lado  um jovem rapaz, de aparentemente 17 anos, desanimado, mais não disse nada.

O senhor que murmurava, parou de murmurar e passou  a observar aquele jovem e disse
assim:
   - Já tive uma idade igual a sua!
 O jovem não deu a mínima idéia para as palavras daquele senhor.

Mesmo assim o senhor continua a falar.

Nesse mesmo lugar onde você esta, eu  já estive um dia, com a mesma expressão na face, recebendo conselhos de um velho como eu...

Aquele senhor meu jovem! Desconfiado de que meu desanimo era causado pela perda de meu amor, me aconselho a  ir atrás dela, sabe o que fiz?
Fiquei aqui sentado todos esses anos esperando ela voltar.

Mas sabe meu jovem!  Me arrependo de ter ficado aqui, ela nunca voltou.
Após essas palavras o jovem que ali estava sentado no banco da praça todo calado, se levantou com um sorriso no rosto e abraçou aquele senhor que tinha lhe dito sabias palavras.

 Seguindo o conselho do velho, o jovem rapaz foi atrás de sua amada.
Cheio de alegria no coração quis contar aquele velho sobre a volta com a namorada.
Entretanto não sabia onde ele morava.
Então decidiu procura-lo na praça, naquele banco onde  tinha se sentando ao lado dele, quem sabe o velho não estaria de novo ali.

E no dia seguinte lá estava o  jovem que queria contar para aquele velho senhor que tinha conseguido apanhar sua amada dentro de um ônibus indo direto a Mato groso, e que lá mesmo eles voltaram a namorar.

Mas ali também ele não o encontrou,  foi então ate  o vendedor de Rot Dog que trabalhava  na praça e perguntou onde estava aquele velho senhor de cabelos grisalhos.
O vendedor abaixou a cabeça e disse que aquele senhor tinha falecido no dia anterior logo depois que um jovem tinha saído de lá.

Aquele senhor só queria mudar a historia de uma outra pessoa, ele não queria que tivesse outro senhor de cabelos grisalhos sentados ali no banco de um praça a reclamar de sua vida.
Nunca deixe de se aconselhar com uma pessoa mais velha às vezes a resposta que você precisa esta com o que ela já viveu.
     
Barc
Enviado por Barc em 22/01/2006
Código do texto: T102274


Comentários

Sobre o autor
Barc
São João Del Rei - Minas Gerais - Brasil, 30 anos
195 textos (18035 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/04/21 23:45)
Barc