Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
                  
 
Um homem gasto gastando o tempo gasta a gaita. E a gaita,muito gasta pelo uso de outros homens infelizes que o antecederam,ainda emite um som gracioso e grátis. Mas o homem cansado e desiludido,quase não tem mais fôlego para gastar. Da gaita,então,ouve-se apenas um lamento antigo e gasto.
Num canto,um gato,gasto como o homem e a gaita,mia de fome e sede,solidário na tristeza. E o homem desesperado contempla o garfo inútil junto ao prato vazio sobre a mesa de madeira gasta e repleta de cupim. Range os dentes,quase todos gastos,e dá um grito grosso e grave. O homem já gastou todas as esperanças que tinha em vão... O gato já gastou as "sete vidas" que possuía...
Só resta a gaita gasta esquecida no chão.
Gladston Salles
Enviado por Gladston Salles em 07/09/2005
Reeditado em 08/11/2017
Código do texto: T48418
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link gladstonsalles.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Gladston Salles
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
117 textos (36883 leituras)
2 e-livros (339 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 10:25)

Site do Escritor