Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Pássaro Amor


1152282.jpg

Muitos comparam o amor á uma flor!
Um poeta amigo meu, disse em uma de suas canções:
“O amor é flor que desabrocha, na mais dura rocha do coração”...
Mas eu prefiro comparar o Amor á um Pássaro.
Eu o vejo, enorme, pois quem ama de verdade, ama sem limites, ama incondicionalmente!
O amor na minha visão, é um pássaro enorme, vamos chama-lo de “Pássaro Amor”! Eu o vejo com penas multicores, sabe por que?
Porque ele pode amar várias pessoas durante a sua vida terrena, pois ele, O Pássaro Amor, é eterno, transcendental. Ele jamais acaba, ele nunca morre...
As vezes o Pássaro Amor se aquieta, se fecha, fica escondido, num canto, sofrendo, calado. E ele também chora, e como chora, mas se conforma. As vezes, esse pássaro amor, enfraquece, adoece, quase morre, sente a fria morte de perto, mas de repente ressurge das cinzas como a Fenix e se despe das vestes de luto e se veste de cores e vai á luta!
Quando duas pessoas se amam, esse pássaro está fixo na vida dos dois aí, um deles morre, mas o Pássaro Amor continua e leva aquele que ficou, a amar outra vez! Outro alguém surgirá, é assim que eu vejo o amor. Não se ama uma só vez na vida, pois esse Pássaro Amor, está arraigado nos nossos corações, faz parte de nós, habita em nós!
Quando esse pássaro enorme pousa sobre o coração de duas pessoas, finca as suas garras, e elas machucam, pois o verdadeiro amor, não é só doçura, ele doi e doi muito. Ele doi quando começa. Cada palavra que vem da pessoa amada, vem como uma espada de dois gumes que penetra a alma e fere, mas é uma dor gostosa, que arranca suspiros e ais. Dessas palavras e atos emanam eflúvios de amor, que tem cor, o mundo fica mais colorido, tem cheiro, tudo exala o cheiro delicioso do amor. Até a noiva do Livro de Cantares de Salomão fala isso: “Suave é o aroma dos teus unguentos; como o unguento derramado é o teu nome”... (Ct, 1: 2)
O que ela quis dizer? Que o amor tem cheiro e cheiro bom, que até o nome do amado, ou da amada, quando pronunciado, exalava um cheiro, um nardo olorante: é o Pássaro Amor
Mas ao fincar essas garras, Pássaro Amor, leva essas duas pessoas num voo, cada vez mais alto. Os "amantes" em seus devaneios alcançam as nuvens e voam mais alto e mais alto, chegam aos paramos celestes, entre sois e estrelas, planetas e satélites! Para eles tudo é lindo, na terra não há lugar para esse grande amor. Até me lembrei da musica: Romeu e Julieta: “Deve existir um bom lugar/ só para nós cheio de paz/ cheio de esplendor...!
Ah, o Pássaro Amor, não é daqui, ele é intergaláctico, ele vem de outros mundos, ele vem dos Céus, ele vem de Deus! Mas ainda falando das garras fincadas que ferem e fazem doer, muitas vezes, quando o Pássaro Amor, vai levando em seu dorso duas vidas que se amam, e por ser um voo alto, enfrenta os furacões, grossas nuvens escuras que trazem vendavais, nuvens onde cavalga o tufão, e o Pássaro Amor no afã de segurar as pessoas que se amam, finca mais as suas garras a ponto de fazer doer, mas as vezes, esses vendavais, esses temporais, são fortes e o Pássaro Amor não resiste, abre as garras e solta os amantes que se separam, cada qual voando ao léu, sem destino para aterrissar num mar de tristezas, de dor de saudade.
E aí, as marcas do Pássaro Amor ficam tatuadas em suas espáduas para sempre!
Mas o Pássaro Amor fica livre, livre para alçar voo, para subir de novo num penhasco e de lá olhar para mais duas almas que precisam se encontrar, que estão carentes, que querem amar de novo e de novo. Voa Pássaro Amor, voa livre, abre tuas asas. Sobe a um promontório e sobre as mais altas penhas aguça teu olhar, e de lá de cima, busca alguém carente de amor para o elevar as mais altas nuvens de volta ao Luar, e faça alguém de novo sonhar!


 
Ahavah
Enviado por Ahavah em 18/06/2015
Reeditado em 30/03/2016
Código do texto: T5281537
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ahavah
Uberlândia - Minas Gerais - Brasil
472 textos (38081 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/10/19 17:18)
Ahavah