Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UM ABRAÇO NO GARI E COLETOR DE LIXO

                    Ninguém usa mais este termo “lixeiro”, considerado depreciativo e hoje politicamente incorreto. Mas não me levem a mal, por favor, ao utilizá-lo aqui. Coletor de lixo e de resíduos, é agora o termo mais relevante, até que surja algum outro, com o tempo...

                    Sabemos, que a Bíblia Sagrada, narra em Zacarias, capítulo oito (8) verso cinco (5) = "As praças da cidade se encherão de meninos e meninas, que nelas brincarão."  Bem, acrescento, que nossas praças, são um excelente refúgio para nós, os Poetas também... pois é um lugar para se divertir das mais variadas formas. Para escrever, rever amigos (e fazer novas amizades substanciais). Lugar de se observar a natureza, os pássaros, as crianças... e um ótimo lugar para namorar, refletir, etc. Ah! Também, um excelente local, para aprendermos as lições de nosso bom e eterno Deus!

                    De uns anos pra cá, as praças começaram a ser revitalizadas, sendo implementadas com aparelhos de ginástica, democratizando assim o circuito das academias, num movimento em prol da saúde e contra a depressão. Tudo, sem ônus algum ou custo financeiro para os usuários. Beneficiando principalmente a 3ª idade, os aposentados e todos os que dispõe de algum horário livre diuturno, para exercitar-se, fugindo do estresse e distresse do nosso dia-a-dia.

                    Então, é comum vermos desde criancinhas bem pequenas brincando e se divertindo nos aparelhos e/ou se exercitando nos aparelhos ali disponibilizados, até o mais senil dos velhinhos... bem... todos os aficcionados por esportes, diversão e lazer.

                    Segundo o meu costume, parei num dos bancos de uma dessas praças um Sábado à noite, para refletir e orar e para ficar atento ao movimento da rua e da BR (rodovia Rio Bahia). Também aguardando o momento de me dirigir a um importante compromisso.

                    Chegaram algumas pessoas. Em sua maioria, jovens e crianças. Algumas mãe e seus filhos e alguns casais. Uns aguardavam a passagem do Trenzinho da Alegria... para poderem embarcar e se divertir, passeando pelo bairro...

                    Vi que o caminhão responsável pela coleta de resíduos sólidos e rejeitos (lixo urbano) passa naquela rua aos Sábados à noite. Depois de ir ao final daquela avenida e dar a volta, é comum o motorista e os cinco (5) integrantes de sua valorosa equipe, pararem um pouco na praça, onde sempre abrem e tomam uma garrafa pet de refrigerante de dois (2) litros, descansando um pouco de seu árduo trabalho e aproveitando para colocar a conversa em dia, já que está quase no fim do expediente.

                    Quem já parou para ver o trabalho destes homens, sabe que não é fácil. Vestidos com roupas grossas cor laranja, com adesivos luminosos reflexivos, luvas de proteção, etc. passam a maior parte do trajeto correndo e lançando para o interior do caminhão, sacos e sacolas plásticas, que serão logo esmagadas, comprimidas e incineradas, no equipamento adaptado existente no veículo, que visa, já diminuir de imediato, a quantidade de material descartável recolhido rua a rua, bairro a bairro, em toda a cidade.

                    Como eu dizia, o carro do lixo passou e um dos rapazes parou na praça por um momento, enquanto o caminhão seguia seu trajeto. Ele andou apenas alguns passos e de repente, fomos surpreendidos, com uma criança de uns seis (6) anos que pulou em seu pescoço gritando “papai” com uma expressão vívida de alegria, enquanto a esposa conversava com uma amiga.

                    Nós, os que observamos a cena, achamos realmente tudo, de uma beleza extraordinária! Quão grande amor daquela filha por seu pai tão trabalhador e esforçado, tão suado pelo ritmo intenso do trabalho pesado que se submetera para alimentar a família! Tudo aconteceu de forma muito expontânea e surpreendente!

                    Me lembrei imediatamente do relato bíblico, de quando “Jesus chorou...” por causa da morte de seu amigo Lázaro... e do comentário efusivo dos discípulos imediatamente dizendo, como Jesus o amava... (Sabemos, que Jesus depois o ressuscitou...)

                    Bem, naquele abraço apertado de filha, com alegria vemos aqui um exemplo do verdadeiro amor sincero e comovente... amor, que tudo transcende... Que orgulho sentia a filha pelo trabalho de seu pai! Que felicidade ao revê-lo... Que cena mais linda, aquele abraço demorado e apertado...

                    Quando os filhos são pequenos (e de maneira especial, as filhas com a figura paterna) há muito carinho e admiração mútua. Algumas, depois que crescem um pouco (a Psicologia descreve pormenorizadamente isto) passam a não ver mais os pais (pelo menos durante algumas fases da vida) como seus heróis. (o que é de certa forma muito triste e trágico). Até que um dia, depois de verem as fatalidades da vida e suas duras lições, retomam aquele sentimento... umas vezes, tarde demais... já que os pais envelhecem e falecem...

                    Bem, aquela cena, sempre estará vívida em minha memória! Nestas minhas retinas fustigadas pelo tempo...

                    Resta-me orar e torcer, para que não cheguem os dias maus, quando aquela afetuosa criança, ouvirá dos amiguinhos algo depreciativo sobre a profissão do pai (coisas da idade... da adolescência...) e quem sabe evitará apresentá-lo ou cumprimentá-lo diante da presença de amigos... pois a pressão social do grupo, às vezes modifica comportamentos e sentimentos...

                    Observa-se, uma tendência, de que empresas de limpeza urbana, municípios e estados... agora exijam um maior nível de escolaridade, na contratação dos profissionais de limpeza urbana pública... (trabalho altamente necessário) até para que relacionem-se melhor com todos os segmentos da população... cumprindo seu dever tão necessário e importante para a sociedade... As empresas, em contrapartida, até estão pagando maiores salários e concedendo muitos outros benefícios...

                    Incentivam financeiramente, para que as pessoas que venham a trabalhar na limpeza urbana, prossigam seus estudos, galgando um crescimento laboral, social, financeiro e de ajustes em seu trabalho. Usando a atividade atual, como trampolim para maiores saltos e sonhos...

                    Em muitos países desenvolvidos, há todo um sistema automatizado de recolhimento de containers, onde apenas um motorista capacitado e bem treinado, deixe no local um container totalmente vazio e recolha o que já está cheio de lixo e entulho.

                    Em muitos locais, a máquina, já substitui o trabalho manual e cansativo que hoje vemos em nossas ruas... e que é de tal importância, que apenas algumas horas (ou dias) de paralisação de recolhimento do lixo urbano, para que a cidade comece a virar um caos.

                    Conversando com estes trabalhadores, sempre exponho o quanto admiro sua garra e força de vontade, união, senso do dever e responsabilidade que todos tem. São como soldados na guerra. A cidade produz muito lixo.

                    Ao ir embora, parei e me despedi daquele profissional valoroso e sua esposa, elogiando a ambos a educação da filha tão amorosa. Me detive especificamente, recitando o 5º Mandamento da Lei de Deus, que diz = “Honra a teu pai e a tua mãe, para que se prolonguem os teus dias na terra que o Senhor teu Deus te dá”. (Êxodo 20:12) Afaguei a cabeça da criança e a elogiei, por ser tão amorosa com o pai, demonstrando tão grande afeto em público. Afinal, qualquer um desejaria ter uma filha assim...

                                                 x-x-x

MSCF – GV (BMG) MG.
January 24 th., 2016.
15:15h.

------------------------------------------------------------------
Se copiar e usar este texto, Você deve citar a autoria de
MÁRCIO SÉRGIO CASSIANO DE FREITAS e a fonte
( livro inédito = "Crônicas Vivas e intempestivas" )
( Se usar e divulgar, cite o Autor MSCF e a Fonte = O Livro )
------------------------------------------------------------

LIVROS DO MSCF NO RECANTO DAS LETRAS = https://clubedeautores.com.br/livros/autores/marcio-sergio-cassiano-de-freitas
-
MSCF NO AMAZON =
https://www.amazon.com.br/s?i=digital-text&rh=p_27%3AMarcio+Sergio+Cassiano+De+Freitas&s=relevancerank&text=Marcio+Sergio+Cassiano+De+Freitas&ref=dp_byline_sr_ebooks_1
MÁRCIO SÉRGIO CASSIANO DE FREITAS
Enviado por MÁRCIO SÉRGIO CASSIANO DE FREITAS em 25/01/2016
Reeditado em 31/03/2021
Código do texto: T5522665
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
MÁRCIO SÉRGIO CASSIANO DE FREITAS
Governador Valadares - Minas Gerais - Brasil
95 textos (17878 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/07/21 15:08)
MÁRCIO SÉRGIO CASSIANO DE FREITAS