Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
A imagem pode conter: 6 pessoas, pessoas sorrindo
Foto de Yauanna Cavalcanti


MEU BLOCO DO CORDÃO ENCARNADO
Ysolda Cabral
 

 
Não precisa ser carnaval pra gente se alegrar e passar alegria para as pessoas, nem que seja por um breve momento que, se eternizará numa simples “selfie”, se a gente quiser.

Gosto de simplicidade, de alegria autêntica... Gosto da mistura de pessoas que há numa manhã de Sol, de muito calor, numa feira livre, por exemplo, ou no centro comercial de uma grande capital que nem o do Recife.

Não gosto de shopping-centeres aonde a maioria das pessoas vai para ''shopingcentear', seja lá o que isso signifique e poucas interagem, se divertem, se alimentam, compram...

Talvez  seja porque nasci numa cidade do interior e lá vivi até os 21 anos, mesmo considerando que o '' País de Caruaru'' não é qualquer interior, que gosto tanto de estar no meio do povo.

Então, no último sábado, resolvi ir ao encontro dele, num passeio pelo centro do Recife, coisa que não fazia há longo, longo tempo.  –  Como me diverti!

Conversei com um monte de gente que não conhecia, dancei pelas ruas, ao som de muita marchinha de carnaval, comi o que tive vontade, e até comprei o que não precisava!

Tudo sob os protestos risonhos de minha filha, e de minha cunhada que, se divertiam com a minha alegria espontânea, em meio à alegre multidão que disputava fantasias e adereços para o carnaval que se aproxima.  

Mas o melhor de tudo foi conhecer as belas meninas, motivo desta crônica, (foto acima), da loja ''Wanda Importados'' e com elas formar, na mesma hora, um lindo e alegre bloco carnavalesco, do cordão encarnado, que é a cor da Vida.

- Valeu meninas! Adorei conhecê-las.

 
**********
 

RESUMO DO PASSEIO

 
Num sábado de muito Sol,
sob o olhar atento de minha filha,
e da minha cunhada querida;
fui passear no centro do Recife.
 
Ali formei um bloco carnavalesco
de lindas garotas, funcionárias
da loja "Wanda importados",
que de modo algum se importou.
 
Ah, a magia e a beleza do sorriso!
O poder que ele tem de contagiar!...
 
Thalita, Núbia, Jeany e Vanusa,
meu bloco do Cordão Encarnado,

Obrigada pelo momento bonito!

**********

Praia de Candeias-PE
21.02.2017
Apenas Ysolda
Uma pessoa que chora e ri de alegria,
tristeza, ou saudade sem pudor.

www.fugindodocontexto.blogspot.com.br

Para escutar a canção de fundo,acesse:

www.ysoldacabral.prosaeverso.net
 
Ysolda Cabral
Enviado por Ysolda Cabral em 21/02/2017
Código do texto: T5919334
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Ysolda Cabral
Recife - Pernambuco - Brasil
2194 textos (222852 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 11:03)
Ysolda Cabral

Site do Escritor