Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


Preciso ver as imagens estampadas em papel.
Rodeadas por molduras. Ladeadas de bibelôs, pregadas em paredes.
A memória possui uma decoração estranha. Cores inusitadas e sentimentos inéditos.
Preciso cercar-me de adendos, lembretes e gritos agnósticos.
A dor percorre caminhos e abismos. Assassina a alma lentamente.
O luto impressiona pelas trevas avassaladoras que cobre o corpo.
E esconde a dor no silêncio das preces e as esperanças absurdas.
Preciso ver, vivenciar com os olhos a materialidade que não mais existe.
Talvez não consiga jamais apagar, superar, transcender e sobreviver.
Pois morri também no desenlace dos meus. Morri um pouco, na ausência nítida
Estampada na lápide.  Ausência carcomida, ressonada e derramada por lágrimas invisíveis e saudades escamoteadas.
Gisele Leite
Enviado por Gisele Leite em 16/05/2018
Reeditado em 17/05/2018
Código do texto: T6338329
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Gisele Leite
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1775 textos (3814783 leituras)
35 áudios (5105 audições)
25 e-livros (146584 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/07/18 23:11)
Gisele Leite

Site do Escritor