Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ARREPIO

Entortou-me as entranhas, fraturou as veias do coração em câimbras... Ao peso daquelas lembranças.



Em mais uma noite de extremo silêncio, ele sucumbiu ao pânico ao ver aquela fotografia em suas mãos. O seu interior estremecia em lamentos vagarosos e em sintonias arquitetadas.
Notou em si o acúmulo do outro e de memórias estúpidas e confusas que apenas existiam para ir de encontro a sua inútil e fiel sensibilidade. O corpo inteiro se contraía não mais por gozos e delírios, mas pela dor que era inevitavelmente resistida, inutilmente questionada, indubitavelmente imbatível. E naquele momento fisgadas sinalizavam a destruição de suas utopias.
Deflagrava-se numa sobrevida depois do amor!

Do livro Crônicas de chuva.
Maria Mariane
Enviado por Maria Mariane em 06/01/2019
Código do texto: T6544368
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Mariane
Castanhal - Pará - Brasil, 27 anos
452 textos (4142 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/10/19 09:49)
Maria Mariane