Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

T. S. ELIOT: nos caminhos da imaginação

O livro "A era de T. S. Eliot", já nas primeiras linhas, destaca um detalhe pouco lembrado: quase nenhum dos escritores, do que Kirk chamava de "Era de T. S Eliot", eram dignos de sequer serem mencionados como grandes. .
Ele classificava essa grandiosidade dos autores como característica daqueles  possuidores de "caminhos" que levam até a imaginação moral, ou seja, o lugar onde residem as "coisas permanentes".
.
Na página 137, é relatado por Kirk a atitude de Eliot após um comentário de um amigo dele sobre a tristeza e dores que o Eliot carregava na face, muitas dessas dores em razão não somente de ser um relator dos sofrimentos humanos, mas, tambem, em razão das perseguições de críticos ferrenhos que os atacavam exatamente por causa do estilo de T. S. Eliot de contemplação do sofrimento. .
Após esse comentário, Eliot sorriu e o amigo saiu da sala, deixando Kirk e o grande poeta, com um detalhe no ar, que ficou na memória de Kirk: Eliot não precisou pronunciar uma palavra.
.
Esse é um dos caminhos da imaginação moral percebido por Kirk nessa cena descrita: "a percepção de uma comunidade de almas" estampada no rosto de um artista, que não precisou  dizer nada. .
Ainda poderá existir homens como Eliot. Para isso, bastatá para eles perceberem a dor humana, vivê-la como deles mesmos e escrever sobre ela. Escrever e escrever com imagens vivas, com sangue, como diria Flaubert, rumo aos caminhos do que ficará para sempre, com tantas dores dessa era de sofrimento que se tornam vivas ao grande artista. .
Mas, creio que a maioria dos escritores e dos artistas, em geral, estejam e continuarão caminhando pelo caminho do prazer, na direção do escapismo, da droga diária, impedindo muitos incautos de seguirem pelos caminhos da imaginação moral.
.
É esse o motivo dessa falta de imaginação útil ao humano de nossa época de devassidão doentia e preguiçosa. Ao menos o principal deles. Ao menos o técnico e, como visto, humano.
.

Veja um exemplo dessa característica na musica Eva, da banda Rádio Taxi (anos 80).
Alexandre Scarpa
Enviado por Alexandre Scarpa em 21/10/2019
Reeditado em 22/10/2019
Código do texto: T6775856
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Alexandre Scarpa
São Vicente - São Paulo - Brasil, 39 anos
151 textos (3353 leituras)
1 e-livros (8 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/01/20 11:54)
Alexandre Scarpa