Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Como é bom estar alegre!

Como é bom estar alegre! Como é bom estar feliz e poder sentir a alegria, e sentir-se amado e querido por mais simples que seja o motivo.
Como seria bom se existisse um remédio que pudéssemos comprar em ema farmácia, para quando a tristeza nos abate-se só tomaríamos este comprimido com meio copo com água, e a alegria viria toda sorridente brincando e cantando em nossos corações, produzindo tanta felicidade que começássemos a contagiar a todos que se aproximassem de nós.
Eu iria conversar com o maior numero de pessoas possíveis, distribuindo agora do remédio antitristeza. Seria uma fonte de alegria e poderia ser tirado de mim isso, porque não acabaria mais, seria uma espécie de fonte que jorraria alegria constantemente.
Onde poderia eu encontrar desse remédio já que não existe em farmácia, hospital ou mercado? Onde poderia encontrar dessa fonte que jamais seca? E onde a alegria jorra sempre sem necessitar que seja abastecida!
Mas será que eu poderia ser sempre alegre, e nunca me sentir triste, sozinho, cabisbaixo e melancólico, não, penso que não, como conheceria eu a alegria se não existe outros sentimentos, como poderia distinguir entre a alegria de qualquer outro sentimento, necessário seria conhecer todos eles para poder ter parâmetros.
E a tal fonte onde a posso encontrar, para que nos momentos de tristeza pudesse nela buscar, para amenizar minha dor que me consome nos dias de profunda tristeza. Muitos apresentam varias soluções como: Cantar, pois como dizem “quem canta os males espanta”, ou os conselhos que até são dados com boas intenções, mas isso é temporário e não definitivo. Como não enxergamos que essa fonte está em nossos corações, e não percebemos, porque tudo que está em nossa volta nos absorve a tal ponto que perdemos o caminho da fonte que na infância era tão fácil de chegar.
Como é bom estar alegre e conhecer a fonte inesgotável de alegria e poder beber dela sempre que o “mundo” nos leva à solidão a tristeza, e saber ir até ela é importante, quem a conhece ou quem já sentiu dessa alegria jorrada por ela jamais esquece e torce para aprender novamente o caminho.
Como é bom estar alegre e perceber que todos têm dessa fonte, mas quase sempre não damos a importância ou não a achamos necessária, procuramos outros escapes para suportarmos a tristeza cotidiana.
Como é bom estar alegre e buscar na fonte certa, que jorra a água da alegria e nos faz feliz, a fonte que só nEle é encontrada que é a nascente eterna, inesgotável, a farmácia onde se encontra o remédio certo onde não se precisa pagar, e onde ao buscar a alegria lançamos todas nossas ansiedades, fragilidades, tristezas. Como é bom estar alegre!

Fábio Beltrame
Beltrame
Enviado por Beltrame em 03/10/2007
Código do texto: T678891
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Beltrame
São Paulo - São Paulo - Brasil, 41 anos
46 textos (11132 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 16:44)
Beltrame