Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DEVANEIO

É noite.Ansiosa, espero o meu amor que dentro de poucos minutos irá chegar. A espera é angustiosa, cada minuto que passa é uma esperança. De repente, o relógio impiedoso marca ,dezenove e trinta,não, não pode ser !... Será que ele não vem?!
Depois fico triste e uma sombra paira no meu olhar.Sento-me e fico imóvel olhando a lua que brilha no ceú, ouço meu coração beter furiosamente, poque será que ele bate assim?! Chego até a porta e vejo que emu amor se aproxima sorrindo me oferecendo milhões de carinho... como foi bom aquela espera, a sua chegada foi mais ainda celebrada, e eu te amei como se há séculos não o tivesse visto.
Como foi bom meu amor,sentir seu coração pulsando a princípio devagar, depois numa fúria incontida, e tu me beijaste, um beijo que não tinha preço, um beijo que para mim era tudo...

escrto em 1967
aizulairam
Enviado por aizulairam em 05/10/2007
Código do texto: T682240
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
aizulairam
Aracaju - Sergipe - Brasil, 69 anos
60 textos (3261 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 18:12)
aizulairam