Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Haters: a ignorância é o maior dos estigmas humano

“Ninguém precisa ser gado, ninguém pode dizer o que a sociedade precisa, cada um sabe da sua vida. Ficam colocando pessoas que não aceitam ser homem ou mulher e querem que eles escolham o que a sociedade quer? Sai daqui povo de merda ninguém manda em ninguém, quer ser gay ou lésbica seja por sua conta, não tente fazer a sociedade ser gay ou lésbica. O mundo precisa de ajuda, porque não faz um grupo pra arrecadar comida, roupa e ajuda as pessoas necessitadas, mas não tudo gira em torno de LGBT. Vai ajudar a quem precisa, tantos moradores de rua e você preocupado com ser aceito? Se aceita que é o bastante, o resto não manda na sua vida. Para de querer aceitação e obrigar as pessoas a serem iguais, isso jamais vai ser.”
“Que merda! Tanta coisa pra fazer campanha, e fazer pra alguém estar na TV... Se tivesse talento ou sentasse no sofá certo talvez já estaria lá... Que saco! Sociedade de bosta.”
“Vestir de mulher não é arte, é falta de vergonha, coisa feia!”
“Lixo.”
“Se este personagem fosse branca, tenho certeza que já era um sucesso. Pensando melhor, se você fosse branco, tudo seria diferente. Você já pensou em deixar outro ator, com um tom de pele mais claro que o teu, interpretar a personagem? Poderia ser uma atriz, o mundo ainda não engole um homem vestido de mulher. É só um conselho, você é inteligente, vai me entender.”
O que o mundo não deveria engolir é a falta de humanidade, de respeito, de amor, de coerência, de maturidade, de responsabilidade. Pessoas como vocês me motivam a viver, a não desistir, a não fugir da luta, a dizer para o mundo que eu tenho direito de estar aqui, que nós pretos não somos invisíveis, temos os mesmos deveres e direitos como qualquer outro ser humano. Nossa cor não é problema, o problema é o preconceito, a misoginia, a segregação, a homofobia, a macheza, a xenofobia, a desumanização... A ignorância é o maior dos estigmas humano. Eu não sou mais e nem menos, eu estou!
Dhiogo J Caetano
Enviado por Dhiogo J Caetano em 20/01/2020
Código do texto: T6846377
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Dhiogo J Caetano
Uruana - Goiás - Brasil
2490 textos (30453 leituras)
651 áudios (13664 audições)
4 e-livros (37 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/07/20 08:26)
Dhiogo J Caetano