Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nós e a Divindade


   Todos nós,independente da filosofia doutrinária(para quem tem) aspira um dia após sua existencia na terra uma das seguintes condições:
O Paraiso
O céu
O nirvana
Um mundo mais evoluido...
   Para se atingir qualquer desses lugares,primeiramente é preciso  morrer,não há como chegar  dentro de qualquer um desses pensamentos,se não morrer.
   Para algums desses pensamentos doutrinários, a morte é uma transformação,ou uma transmutação,onde uma parte do conjunto espirito,alma,corpo, no caso o espírito se desagrega do corpo  e assume sua forma etérica ou espiritual e retorna a trajetória que antes tinha ao chegar ao planeta terra.Portanto esta individualidade,ou espirito,chama extra-etérica teve que um ocupar um corpo concreto,ou uma estrutura bilógica constituidas de átomos,nos quais está contida toda uma conjuntura celular formando  o corpo humano.Bom, mas não podemos afirmar que uma estrutura biológica humana representa uma vida,ou seja,ela só existe enquanto "pensa" assim afirma Decarte.Dai vem uma pergunta interessante...Um corpo sem atividade cerebral,mas com as funções cardiológicas e respiratórias funcionantes,é uma forma de vida?Um feto nos primeiros dias de vida é  um ser vivente. Segundo alguns pensadores não. Porque lhe falta o sopro divino,ou a chama extra-etérica.Na continuidade do raciocínio acima,algumas correntes filosóficas ou doutrinárias, afirmam que a pós a morte o espirito entra num estado de sono universal enquanto o corpo se decompõe e é despertado no soar das trombetas do juízo final.
   Mas toda essa divagação é para chegar ao final da história de cada ser humano encarnado(diga-se encarnado o fato do espirito "entrar" ,"ocupar um corpo", "encarnar). Todos nós aspiramos essa faixa mais evoluida do sistema universal,então procuramos enquanto estiver por aqui melhorar nossas ações e dedicar se a auxiliar a outros, para podermos ganhar essa recompensa pós existencial...Mas vamos mais uma vez caminhar pelos caminhos da especulação filosófica,não que eu seja um folófoso...Quando pensamos nos Santos do catolicismo,vemos que foram pessoas que viveram nesta terra e por sua ação caritativa e até milagreira,ascensionou a condição de Santo e nos ajuda em nossa trajetória aqui na terra.Bom se nos ajuda é por existe,em outro plano,outra dimensão,mas existe.Porque o que não existe,não tem condições de nos ajudar e atuar em nosso meio.O mais interessante,mesmo levando em consideração seus feitos santificados,quem o proclama,outorga sua beatificação e logo depois  a santificação é o Santo Padre, ou o Papa.
   Em outras filosófias e pensamentos doutrinários encontramos essas mesmas figuras divinizadas já em outras formas ou roupagens.Em alguns lugares são figuras,ou individualidades siderais,que habitam mundos evoluidos,viajam em veículos  estelares,se desmaterializam,ou assumem a forma etérica ou espiritual e vem nos auxiliar.Já em outras assumem uma forma mais simples de Caboclos,Pretos velhos, Médicos espirituais,Sereias,Fadas,e um tanto outras formas e que na verdade são mais evoluidas que nós, ou como já em outras, são simplesmente Espíritos de luz. Entenda-se como um tal ,uma individualidade espiritual cujo corpo ,não tem uma só célula doente.
  Agora o interessante de todas essas individualidades é que nehuma puxa para si,ou se outorga como Divinos,mas nós sim que os divinos.Talvez seja pela necessidade  que buscamos de nos tornarmos santos algum dia.E na história, o ser humano sempre precisou de seus mitos os quais criam-se ídolos e estes como na caso da mitologia grega tornam se deuses, e estes além de sua condição divina,soma-se a eles o temperamento humano,basta para isso ver o comportamento dos deuses no olimpo.E nossa terra com sua belza é considerada um escola universal,onde após passar por seus estágios,cursos, pode se receber o certificado de conclusão do mesmo,ou voltar novamente e sentar-se no banco do jardim de infancia...da vida...Para terminar quero deixar uma frase muito bonita e para se pensar que um velho mestre nos disse:
 QUANDO VOCÊ NASCEU,TODOS RIAM E VOCÊ CHORAVA
 fAÇA TUDO PARA QUE QUANDO VOCÊ MORRER,TODOS CHOREM... E SOMENTE VOCÊ SORRIA...(Nestor Sabatovisck)

                                       Gilmar 14,16 do dia 22 outubro de 2007
   
Gilmar Santos
Enviado por Gilmar Santos em 22/10/2007
Reeditado em 17/03/2008
Código do texto: T704960

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gilmar Santos
Planaltina - Distrito Federal - Brasil, 60 anos
696 textos (114226 leituras)
53 áudios (5044 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 16:27)
Gilmar Santos