Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PARA ENCONTRAR A FELICIDADE

Para encontrar a felicidade, temos
que apenas aprender a achá-la
dentro de nós.
Osculos e amplexos,
Marcial

PARA ENCONTRAR A FELICIDADE
Marcial Salaverry

A felicidade, com certeza, é o artigo mais procurado neste mundo, mas parece ser muito complicado encontrá-la. Possivelmente,  pode ser devido a maneira errada com que a maioria das pessoas a procura.
Dizem mesmo, que a felicidade total não existe, é impossível. O que realmente existe são momentos felizes que recebemos da vida.
Teoricamente, contudo, pode ser muito fácil travar conhecimento com essa utópica personagem.
Basta compreender que o mundo não é para ser disputado palmo a palmo, como se fosse algo destinado a propriedade exclusiva, mas sim compartilhado, porque nele existe lugar para todos que queiram viver em igualdade.
Deixando de lado a vaidade desmedida que nos leva ao desejo de ser "o centro das atenções", entenderemos que a humildade é privilégio dos grandes, e apenas os medíocres não sabem disso. Justamente por não disporem de um real discernimento, procuram passar uma imagem de superioridade, quando na realidade quem efetivamente tem méritos, os vê reconhecidos, sem aquela necessidade de "aparecer", que é apanágio dos vaidosos e vazios.
Sempre deveremos aprender a respeitar as pessoas, as plantas e os bichos como obras da mesma Natureza que nos fez, para assim crescermos espiritualmente.
Melhorando assim nosso modo de pensar, não pensaremos mais em criticar outras pessoas, deixando que cada qual leve a vida à sua maneira.
Precisamos sempre nos convencer de que não somos os donos da verdade. Cada qual tem a sua. Há que se respeitar o livre arbítrio. É válida a troca de opiniões, ou uma crítica construtiva, quando solicitada. Sempre é perigoso apontar erros alheios, porque sempre existirá alguém para apontar os nossos.
Existem outras maneiras para tentar alcançar a felicidade, e também para procurar espalhar um pouco dessa felicidade conseguida. Acompanhem o itinerário.
Caminhar ao lado de um amigo, sempre faz bem, principalmente se ele estiver com problemas, e pudermos ajudá-lo na solução.
Sorrir sempre que cumprimentamos alguém, ou sempre que tivermos oportunidade, pois sorrir faz bem e é econômico. Um sorriso espontâneo e sincero torna as pessoas mais bonitas e muito mais simpáticas. Não podemos nos esquecer disso.
Falar sempre de coisas boas, procurando conhecer o lado bom das pessoas. É fácil apontar defeitos, mas vamos também e principalmente, falar das virtudes.
Erros do passado, devem ser esquecidos, e nunca repetidos. Sempre em nossas eventuais quedas, é importante saber como nos recuperar do golpe, sem nos desesperarmos.
Quando eventualmente perdermos a calma, é importante respirar fundo, recuperando o controle antes de fazermos algo de irremediável.
Devemos nos esquecer da inveja e da ingratidão, que são sentimentos que apenas trazem amargura para a vida. Pessoas invejosas e ingratas nunca são bem vistas, e não conseguem boas amizades. Ninguém aprecia sua companhia.
Bem, tudo isso, é uma questão de aprendizado, não acontecendo de forma repentina. Mas, vale a pena tentar, pois a vida sempre irá melhorar.
Ao conseguirmos inserir em nossa vida a prática cotidiana dessas atitudes positivas, fatalmente iremos melhorar não apenas nossa imagem perante os outros, como também nossa auto estima. Ao nos sentirmos bem conosco, nossa vida irá melhorar e muito.
Não faremos apenas a felicidade alheia, como também e principalmente a nossa.
Nossa vida deixará de ser apenas um fardo a ser carregado, cada vez mais pesado, sempre acrescido das desgraças vividas. Poderá transformar-se numa gostosa e gratificante caminhada de recreio. Tudo depende de como encararmos a vida.
Para encerrar, uma mensagem que foi passada por meu guru L’Inconnu:
A maioria das pessoas procura a felicidade como um fim, não como um caminho. Talvez por isso ela se torne tão inacessível e tão rara.
E com esse belo lembrete, desejo a todos UM LINDO DIA.

Marcial Salaverry
Enviado por Marcial Salaverry em 28/10/2007
Código do texto: T713326
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcial Salaverry
Santos - São Paulo - Brasil, 79 anos
21180 textos (2102975 leituras)
3 áudios (894 audições)
6 e-livros (2160 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 19:11)
Marcial Salaverry