Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Bola da vez


A Bola da vez


Deixar-se levar pela provocação é entrar em rota de colisão com quem nos inveja e qualquer atitude tomada em resposta é vista como justificativa para este legitimar atitudes tramadas em segredo seguidas de ações tendenciosas, porém desprovidas de conteúdo.


A ignorância com a qual o bisbilhoteiro trabalha não tem limites em especial quando não atinge os seus objetivos. Dai para frente, começa manipular as pessoas num ritual tendencioso forçando-as ver o que não existe tornando-as seus sósias sem que percebam.

Desperdício maior seria levar a sério às atitudes do infeliz a menos que você não sinta prazer em observar o quanto ele se esforça para ser o que não é e viver o ócio um dia apos o outro sem saber que o próprio é a bola da vez.


Manoel - 06/11/07 - 06:32h
Manoel
Enviado por Manoel em 06/11/2007
Código do texto: T725781
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Manoel
São Paulo - São Paulo - Brasil
496 textos (19403 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 21:33)
Manoel