Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ERMO E QUEDO

Ermo e quedo

Rasguei meu Passaporte, queimei minhas Certidões
escondi a Identidade, os telefones e nomes da Agenda destruí.
Nada me identifica, não conheço ninguém.
Escalarei esta montanha, me esconderei entre as pedras.
Viverei só!
Estou farto desta pseudo-civilização, não sou soldado guerreiro,
não quero guerrear.
Levarei comigo apenas feridas, cicatrizes muitas mas estarei em Paz!
Iniciarei a jornada o quanto antes possível.
Quero estar só!
............................................................................................
Varios meses se passaram...eis-me aqui...
Sou pedra, sou mato, sou bicho; isolado assim, me alimento de folhas,
raízes e raramente uma caça.
Visto farrapos, cabelos e barba assim como crescem, falo sozinho,
estou bem mais magro, parei de fumar.
Não lembro de carro, fumaça ou   I n d ú s t r i a
que mata a mata, os bichos e o    h o m e m
para fabricar salários de fome
roubando do operário seu tempo de dia
devolvendo   c a n s a ç o
sem tempo para   a m a r
o filho que cresce sem calçados, escola, bicicleta e sem Pai.
Saudades, não tenho! Apenas piedade...então rezo por todos...
Depois de um dia de Sol(ou de chuva)
o céu se coalha de pontos brilhantes
Estrelas, Planetas e Sóis bem distantes
que fazem    s o n h a r.

Apesar de tudo, passo por momentos em que sinto que algo me falta.
Não sei o que é. Sei que algo me falta.
Decifrar enigmas, nunca fui bom nisso mas, é preciso pois me descontrola...então passo a meditar...
Que pode me faltar?
............................................................................................
...irmãos, já tenho; dinheiro, não preciso; futebol(manipulado) não faz falta...não quero telefone, colchão ou cerveja...então, o que?

Aos poucos tudo se esclarece:
Sinto tua falta    M U L H E R!!!

Mas, para te ter (ou te ser) deverei voltar...

...e, já estou a caminho...
Pedro Gonzalez
Enviado por Pedro Gonzalez em 06/12/2007
Reeditado em 12/04/2012
Código do texto: T766711
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pedro Gonzalez
Paraguai, 61 anos
190 textos (12607 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 04:06)
Pedro Gonzalez