Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

solidão

faz tanto tempo que a minha voz não fala
muda se cala aos medos meus
faz tanto tempo que meu mundo desabou e eu nem lembro a cor
do céu que existiu
as lagrimas rolam sem parar em meu rosto
nem sei porque choro
mais meu peito dói, se aperta, e sufoca como overdose de um vicio qualquer
não sei mais quando é dia
a noite continua.... constante
dentro só solidão
vazio
paro um pouco para ouvir ... o silencio
e então ele diz:
- estou aqui.
midynigth
Enviado por midynigth em 04/03/2008
Código do texto: T886672
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre a autora
midynigth
Santana - Amapá - Brasil
201 textos (16561 leituras)
3 e-livros (119 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/06/21 08:26)
midynigth