Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Gotas de esperança

 "Porque ele esta ai ?" "porque ele faz isso?". Acho que quando as pessoas veem um atleta fazendo o que faz, sempre deve fazer essas perguntas para si mesma, afinal, seria por dinheiro ? Talvez por fama? Ou talvez seja atenção ?. Quem vê de fora, nunca vai entender o que um jogador de futebol sente ao entrar em campo, ou um atleta de MMA sente ao entrar no octagon, quem vê aquele momento, nunca vai atender a luta que se é travada consigo mesmo, até chegar aquele dia, e nessa luta pessoal, se você perder, pode desistir, pois você sempre vai ser seu maior adversário.
         "Será que estou preparado?" "Será que sou bom o bastante?". São milhões de perguntas que cercam sua cabeça a partir do momento que você sabe que terá uma competição, até o dia em que ela ocorrera de fato. Você sabe que treinou bastante ,mas quando o dia se aproxima ,os treinos ficam mais pesados, e parece que você nunca conseguiu chegar onde quer,e ai o desespero toma conta e ou você se controla , ou então vai a luta, porém, sabendo da garantia de derrota.
          São muitas dores no corpo, muito sofrimento e desconfianças de si mesmo,ate o grande momento, mas é incrível, pois se você chegou até ali, então já és um campeão, mas outras pessoas também chegaram la e se esforçaram tanto quanto você, as vezes, até se preparam mais,e então nesse momento de ápice, o seu "eu" mais forte , precisa ser melhor que o "eu"mais forte de seus adversários.
        Algumas lutas (partidas e outros) são mais duras que as outras , outras chegam até a parecer fáceis, porém algumas são tão complicadas que o seu "eu" mais forte, não é o suficiente e você perde. Mas tem um motivo que nos obriga a continuar, algo que nos domina e nem nós mesmos conseguimos explicar, e toda essa sensação se resume a um momento, e ele nunca é o mesmo, mas sabemos quando ele chega. É quando você sente cada gota do suor em seu corpo, e sente que está em seu limite, já crê que não exita mais vitória, mas então algo toma conta de seu corpo, e isso se torna incontrolável e então você sente que pode correr mais rápido que qualquer um, ser mais forte que qualquer outro e pode vencer sozinho o mundo todo. Nesse instante, sabemos que somos e o que queremos, o mundo já não importa e os problemas somem, e a única coisa que importa é vencer, ou tentar ao máximo, e isso te da forças, para nunca desistir e transforma gotas de suor em gotas de esperança, a esperança de nunca mais perder e a vontade e garra de ser invencível.
         
Juh Bomfim
Enviado por Juh Bomfim em 12/05/2018
Código do texto: T6334843
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Juh Bomfim
Santos - São Paulo - Brasil, 18 anos
6 textos (63 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/18 22:06)