Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sede de lhe amar

Sede de lhe amar.

Sinto  a delicadeza,
Dos seus carnudos lábios,
A sua suavidade da sua pele me conforta,
Sou menino eufórico,
Perdido no seu néctar ainda contido.

Quero o conflito de mãos e bocas,
O arfar a pegada louca,
As palavras soltas,
E sussurros que dão rebuliços.
Entrar e sair nas carnes,
Amassos e bocados de lambidas,
Mordidas perdidas no pescoço,
Investida descendo no corpo,
Olhar revirado e mordendo os lábios,
Embriagada, quase um êxtase é pouco,
Quero o orgasmo em grito rouco.

Ver seu corpo todo vibrante,
Em meus braços e com meus beijos famintos,
Em um desejo delirante.
Ver seu olhar devasso,
Fitando-me,
Enquanto vou descobrindo seus pontos,
Que lhe enlouquece e lhe  faz perder o fôlego,
Quero me perder e me  encontrar,
E com seu néctar saciar minha sede.

Autores: Clodoaldo Lima, Fernanda de Oliveira e Nilton Lôbo
Todos os direitos reservados
Imagem: Google imagens

(ADM FERNANDA POSSI)
VERBOS E VERSOS
Clodoaldo Lima e Fernanda de Oliveira/ Nilton Lobo
Enviado por Clodoaldo Lima em 27/06/2019
Reeditado em 30/08/2019
Código do texto: T6683118
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Clodoaldo Lima
Curitiba - Paraná - Brasil, 45 anos
298 textos (7463 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/19 23:19)
Clodoaldo Lima