Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"O acaso não basta, é preciso rebelar-se contra ele"

      Na magia das possibilidades... do que s'é visto
  E então nascem... as formas... todas as formas
   Todavia, seria por acaso?
      Do que paridas foram pelo útero do tempo...
  Ou há até quem diz que vieram do nada
        (ao que não creio)

      Não... não... não!
 "O acaso não basta, e assim, faz-se preciso rebelar-se contra ele"
       Ao que já dizia um grande amigo meu

     Deste enigma que s'esconde à luz do intelecto
  Porém, degustados tão se faz ante os olhos d'alma...
        E assim são elas... as formas
    E ali elas estão... no palco deste místico espaço
 (ainda que dele tanto já acostumamos, e por isso não mais vibramos)
      Mas também do tempo, oh, sim!
   (deste que tão pouco o compreendemos)

      Ó mística e dinâmica vida!
   A pairar-se no plasma quântico deste ilimitado palco
 Repleto de mil imagens e formas que se unem e se abraçam
      Embora às vezes a aparentar... que se odeiam
  No cosmos e caos a seguirem no tempo.... e assim, se completam
       No ordinário do que os olhos veem
   Gerados do extraordinário do qu'eles desconhecem
       Contudo, sempre com algum propósito
   Do contrário não se haveriam

  E, portanto, as formas não nascem do acaso
   Oh! Não podem...
Do acaso que não se bastaria, conforme se disse, já qu’ele não existe...
     Como não existe tampouco... a morte

     Todavia, fico-me nest'instante a pensar:
  Estaria, desde o início, o Nada a se rebelar contra o Tudo?
      Já que nada a ele s'é atribuído... do que no espaço s'existe

  E, destarte, ao que ninguém nega, toda glória se dá ao Tudo!
        E o que sobra... para o Nada?
   Simplesmente... nada (já que o "nada"... não existe)


                           ***********************
           
                                05 de julho de 2019
Paulo da Cruz e Camilo Jose de Lima Cabral
Enviado por Paulo da Cruz em 05/07/2019
Reeditado em 05/07/2019
Código do texto: T6689099
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

Sobre o autor
Paulo da Cruz
Curvelo - Minas Gerais - Brasil
2064 textos (33742 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/19 13:45)
Paulo da Cruz