Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ela era meu sonho (Soneto)

"E eu me apaixonei porque todos os dias eram bons quando você estava por perto. Me apeguei porque seu cheiro é natural, é como cheirar felicidade e ficar dependente disso. Amei porque você é você, diferente de tudo aquilo que imaginei um dia sentir.❤
Apenas nos separamos por que você não tem limite no vidro do Rivotril e não gosta de ouvir Luan Santana, aeeeee já é demais 😎"

( Paula Soares - 15 de maio - 2019 )
xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
"Ela era meu sonho,
mas levou meu sono...
Ficou meu Soneto"
xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Depois que Ela se foi, acabou a ansiedade...
O vidro de rivotril, ficou sobre o criado mudo...
Como as marcas de baton no espelho...
Se apagaram, também perdeu a validade...

Não esqueci, até tentei mas não a esqueço...
E se Ela voltar, faço tudo do mesmo jeito...
Ela foi um vício, que não me livrei direito...
Ainda a quero, não vou fingir, me conheço...

Por isso que amo essa mulher...
Ela é assim, lisa, linda, diferente...
Não sofro, se ela já não me quer...

O rivotril me acalmava até ela chegar...
Mas fazer amor ouvindo Luan Santana...
Perai, é exigir de mais, é mais que torturar...

Bene
Benedito Oliveira e Paula Soares
Enviado por Benedito Oliveira em 03/11/2019
Reeditado em 03/11/2019
Código do texto: T6786273
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Benedito Oliveira
Confins - Minas Gerais - Brasil, 65 anos
45 textos (305 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/11/19 23:58)
Benedito Oliveira