Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A exatidão das Essências

A precisão das essências
Dez. 18/2009

Há várias essências na vida. Não só as essências, ésteres, de banana, lavanda ou “água fresca”, mas também as essências de cada uma de nossas características.
Por exemplo, a poesia. As essências da poesia são seu tema, sua estrutura e seu “tempo”. E, assim como os “cheiros” dos nossos dia-a-dias, uma poesia completa consiste na mistura, estequiométrica, de suas essências.
Do mesmo jeito que um perfume malfeito muitas vezes é devido ao excesso de uma essência ou a falta de outra, uma poesia deve conter as quantidades exatas de tema, estrutura e tempo. Uma poesia com apenas estrutura agrada aqueles que não conhecem poesias, assim como, algumas vezes, leigos, ao sentirem um eau de parfum dizem acreditar estarem sentido o mais suave perfume do mundo. Já uma poesia com o excesso de conteúdo e falta de estrutura é como um perfume suave, porém fraco e simples, como a lavanda. Todos sentem o agrado do perfume, mas os conhecedores da área dizem que os vapores são estranhos aos seus hábitos.
Desse modo, uma poesia com tema, estrutura, e “tempo” adequados pode agradar a todos, assim como um eau de toilette agrada desde os mais experts em perfumes e aromas até os simples rapazes que querem comprar um perfume para agradar sua namorada.
Turra Ossau
Enviado por Turra Ossau em 18/12/2009
Reeditado em 18/12/2009
Código do texto: T1984929


Comentários

Sobre o autor
Turra Ossau
São Paulo - São Paulo - Brasil, 31 anos
20 textos (18461 leituras)
4 áudios (2039 audições)
2 e-livros (49 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/05/21 16:20)
Turra Ossau