Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O chamado

Na esquina a Morte, querendo antecipar os meus dias, me espera. Quer ceifar meus sonhos e esperanças, em troca promete-me uma vida eternal. Reluto em atendê-la, vou driblando as suas intenções, e fingindo compreendê-la, vou tardando a minha ida.

E assim, vão passando os dias, ela me chamando, eu não atendendo. Que ela aprenda a viver com minha rebeldia, pois se tão moço sou, não convém atendê-la. Que procure outro, lançando mão dos seus estratagemas.

Quantos desesperançados da vida não há? Estes, ela pode levar: mas a mim, que gosta de sorrir, namorar, curtir as coisas boas, não.

Apenas nestas circunstâncias que me deixarei levar: quando meu coração deixar de amar o semelhante, fenecer o sorriso nos meus lábios e deixar de admirar a pureza e inocência das crianças. Pois, quando estas coisas começarem a acontecer, começa o triunfo da morte.
Juraci Rocha
Enviado por Juraci Rocha em 24/09/2005
Reeditado em 25/09/2005
Código do texto: T53499


Comentários

Sobre o autor
Juraci Rocha
São Paulo - São Paulo - Brasil
342 textos (132216 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/08/20 00:09)
Juraci Rocha