Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Os ESPAÇOS DE CULTURA

As múltiplas expressões culturais se manifestam em todas as esferas da vida cotidiana. A cultura está impregnada em nossa forma de ser e pensar, no comer, na linguagem ou no vestir-se, nada escapa do universo socialmente construído pelo devir do tempo e da formação identitária dos povos que constituem-se no bojo da História. No seio familiar ou nos grandes eventos existem manifestações culturais que servem de referências para as diferentes sociedades. Seja o esquematismo da indústria cultural, as tradicionais expressões da cultura popular ou a restrita cultura erudita, surgem espaços de promoção e divulgação da Cultura - um conceito complexo com inúmeros significados – cujo propósito é o próprio reconhecimento das potencialidades humanas diante do mundo ordinário. Essa criatividade diante do mundo foi o que diferenciou a espécie Homo dos demais seres vivos e continua ainda hoje balizando a condição humana, desde os primórdios artefatos arqueológicos ao contexto cibernético, as culturas são essenciais, a Alma de um Povo. Na cidade de Torres/RS reconheço diversos espaços culturais, da sinaleira às praças, dos mega shows às rodas de capoeira. Podemos perceber a existência de vastos acervos no Museu Três Torres/ SAPT, Museu e Arquivo Histórico, Memorial do Cinema, Memorial do Balonismo e o Espaço Mar/ Jamboo Turismo. Na Estrada do Mar, um rico acervo na Tenda do Betinho revela artefatos e objetos dos engenhos coloniais. Na comunidade do São Bráz, às margens da Estrada BR-101, há a preservação dos Saberes e Fazeres nas artes do Butiá, a Farmácia Fitoterápica do Movimento das Mulheres Camponesas onde se conservam um conhecimento etnobotânico secular e a Aldeia Nhu- Porã onde são produzidos um artesanato peculiar e de forte apelo simbólico e estético. Importantes espaços de fomento à leitura são encontrados na Biblioteca Guedes, a Biblioteca Pública Clóvis Webber Rodrigues e os Pontos de Leitura Livradeira e o Bolinha e Bolota. Nos últimos anos tem se consolidado um movimento cultural no Centro Cultural Ecos de Angola e Ateliê Mutantes, Pátio das Artes, Espaço Sol, Ateliê de Mosaico Flávia Chaves, Ateliê Celina Ten Caten, o atuante Território da Arte  e na Casa da Ponta da Pedra da Chata. Temos oportunidade de prestigiar a Feira de Artesanato, o Clube de Mães e as exibições do Cine Clube Torres. Nas comunidades pesqueiras da Praia da Cal, Salinas e Canto da Ronda, centros comunitários nas localidades da zona rural, nas escolas e universidades, nos estúdios de dança, grupos de capoeira e congregações religiosas abrigam uma confluência e uma dinâmica cultural imprescindível. Nas paisagens naturais dos Parques da Guarita e da Itapeva habitam valores históricos fundamentais para a melhor compreensão da cultura que se estabeleceu no território litorâneo. Testemunhamos a cultura itinerante dos artistas de rua nas sinaleiras e calçadas da cidade e os múltiplos significados da arte urbana e do grafiti. Oficinas de criatividade espontânea surge nos esconderijos da cidade e quando menos se espera, a CULTURA invade nosso universo, mas há a urgência de políticas públicas de fomento à Cultura pois respirar e vivenciar sua essência continua sendo o manifesto de resistência e engajamento de poucos corajosos e corajosas que ainda acreditam num mundo melhor.

Publicado no Jornal A Folha/Torres-RS.
Leonardo Gedeon
Enviado por Leonardo Gedeon em 04/05/2017
Código do texto: T5989632
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Leonardo Gedeon
Torres - Rio Grande do Sul - Brasil, 37 anos
174 textos (42875 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/04/20 11:13)
Leonardo Gedeon