Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Sucesso vai e vem com a ventania

Sucesso, vá-se embora com o vento, por favor!!

Difícil negar que os rebeldes balançam o mundo.
Todos já tiveram em mãos uma caneta torta que escrevia em paradoxos a falsa beleza da vida.

Posso me desmaterializar agora que minha ausência será notada como o piscar de luzes na bunda de um vaga lume.

"Humanos são como as hienas;  tirando proveito no melhor estilo e depois saindo sorrindo pra justificar sua natureza(...)Acho q Deus tem se orgulhado das hienas.

Em Sangue Latino, Luiz Carlos Barreto disse- "que estamos vivendo um monopólio da informação em torno do pretexto da liberdade de expressão". Na verdade, é muito mais q necessário; uma liberdade de informação para as mídias como um todo - liberdade de expressão é para arte, e somente através dela.

As pessoas não conseguem se entender num inventário familiar; quem dirá entre vizinhos(?!)
Superado o distópico desafio de excomungar a corrupção na face da Terra, o que queremos depois...? Uma contemplação da sorte; um entendimento capital; um cada um por si e Deus por ninguém...?
 
SE EU GANHAR NA LOTERIA:
Irei direto pra uma cafeteria ler um jornal; e ver as mesmas palavras, frases, fotos e fatos de sempre. Comprarei um maverick v8. Reformarei uma kombi; encherei de crianças e visitaremos todas as livrarias, sebos e bibliotecas possíveis.

Irei à feira pra comer pastel... muito pastel.
Criarei ovelhas e cabras.
E quem sabe - me transformar num bode(...)
Fazer uma lipo no nariz; pedirei meu passaporte, tomarei um litro inteiro de Passport, e irei à china...

Darei gorjetas aos pobres e paupérrimos -  não porque é bonito ou um ser cristão... mas, porque terei sobras e com certeza, não me faltará croissant e cervejas caras.

Não atravessarei filas e sinais vermelhos. Respeitarei faixas de pedestre e cruzamentos de vias...

Terei um monitor de 40"  junto dum computador com uns puta teras; Livros Muitos livros - uns mil... dois mil, terei

Para mim, todos e todas serão bonitos; não lindos e lindas, que enjoa.
Socorrerei parentes e parentes dos meus "parênteses" que na sua maioria estarão ansiosos na fila.

Com receio assombroso de perde-los: abraçarei ainda mais meus amigos e amigas... Ahhhh!, os verdadeiros amigos, onde estarão (...?)

Falarei bonito a língua dos bem sucedidos - aprenderei: inglês,  francês, árabe,  guarani e talvez aramaico...
Enfim, serei mais um pobre milionário à procura da tristeza tentando convence-la a sorrir.

- Então,  quais as possibilidades ou probabilidades mesmo?

- Hum... deixa ver... 1 em 50 milhões, creio eu

- Ah tá!

O sucesso se foi...
Diálogo
Enviado por Diálogo em 27/07/2018
Reeditado em 27/07/2018
Código do texto: T6402067
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Diálogo
Itapeva - São Paulo - Brasil, 46 anos
146 textos (3408 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/18 03:08)
Diálogo