Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Conhecimento-Poder

Por: João Paulo da Silva Pereira

*Estamos em declínio? Estamos em progresso? Para onde estamos indo?*


Afinal,onde estamos? Somos seres complexos,não sou biologicamente,mas a própria
consciência é um constructo complexo.Somos oriundo de uma evolução,de uma linha
tênue,entre a vida e a morte,mas afinal,Onde estamos?
Estamos em um momento de evolução tecnologica,de novas descobertas e pesquisas,é
inegável e claramente mensurável nossa evolução científica,não somos os mais
poderosos,mas buscamos isso...

*Mas porque? Porque buscamos poder?*


Buscamos poder desde quando percebemos que com poder,sobreviveriamos nessa grande
corrida,que é a seleção natural,buscamos poder,como quase sinônimo de
conhecimento,mas não temos culpa,a nossa linguagem arcaica,usada por nossos
ancestrais,como o homo halabis,já se tornava ultrapassado.Nossos braços não eram tão
fortes,não eramos tão rápidos,e não tínhamos dentes tão afiados e
grandes,necessitavamos resolver esse impasse,necessitavamos sobreviver.Como um
problema ainda não conscientizado,buscavamos sobreviver a cada dia,tentavamos prever
um ataque,e passamos a comer frutas e sementes,além de carne,já construímos pequenas
teias de raciocínio,e como uma troca excepcional,ganhamos a linguagem.
Começamos a pensar em termos de hipóteses,e se? Já não era uma consciência
intimamente relacionada com o agora,já pensávamos no amanhã,começamos a pensar em
termo condicional e elaborar previsões E se um tigre aparecer? Como prevê? Através das
pistas deixadas por ele,como o resto de uma presa abatida,pegadas e/ou plantas
quebradas.Já não era suficiente observar fatos isolados,começamos naturalmente
interliga--los,e aí começamos a planejar,como em um jogo de xadrez,pequenos péos
podem se tornar peças "valorosas",e aí ganhamos o poder,o poder de analisar o tabuleiro e
de tomar decisões inteligentes,visando um objetivo futuro.Com o ganho do poder
intimamente interligado com o conhecimento,buscamos conhecimento para ganhar poder,e
isso é o vetor que aponta para onde estamos indo.

O conhecimento oriundo da teoria da relatividade de Einstein,nos proporcionou poder,o
poder de controlar não completamente a dualidade massa/energia.O conhecimento do
eletromagnetismo com a conclusão das pesquisas de Michael Faraday por Maxel,nos
proporcionou o uso da energia elétrica,a eletricidade como poder não nos causou malefícios
em si,ao contrário do uso da energia nuclear para ganho de poder bélico,e como uma
tentativa ousada de se sobressair em uma disputa ideológica.Qualquer ideologia seguida a
risca é em si maléfica,pois não impõem limites para um determinado objetivo.O maior
objetivo em investimento científico é o ganho de poder,seja ele benéfico em seu objetivo e
maléfico em seu efeito,por uso intenso e/ou prolongado.

Ex: O ar condicionado,a tecnologia baseada em conceitos da física e química,junto com a
matemática como ferramenta,e conhecimentos de engenharia,que é uma ciência que visa objetivos imediatos,ele o ar condicionado,emite gás carbônico,que aumenta o aquecimento
global,ocasionado pelo efeito estufa.
Também temos tecnologias que nos causa mais malefícios,pois como vimos,todo
conhecimento científico é válido,quando nos dão algum tipo de poder,pelo menos na atual
ideologia presente na sociedade.O conhecimento de que a matéria é em tese,energia,nos
ocasionou espanto de início,mas foi logo rompido,pelo desejo de poder,evolutivamente
presente em todos,pelo menos em tese.A engenharia como ferramenta científica da busca
pelo poder,rapidamente criou meios para usar a energia presente da junção de um próton e
um nêutron,separando-os(Fissão) ou juntando em um átomo,mais um nêutron(fusão),o que
proporcionou de início,todas as ferramentas para se sobressair em uma disputa
ideológica,pelo ganho do poder,mostrando assim,que sua ideologia era "superior" a outra.E
a busca pelo poder,nos colocou em uma balança sensível,que pode pesar mais para um
lado.Sendo cada ideologia em si correta,na mente de quem a têm,automaticamente a outra
se torna errada,e deve ser eliminada,pois em si,representa o principal motivo para o retardo
do ganho do poder(Sendo ele pois,um vetor contrário).

*Como sair desse impasse,sem conflitos diretos,e sem um sobressalto de nenhuma
das ideologias em questão?*


Para respondermos essa pergunta,necessitamos responder uma antes.Se foi natural o
ganho do conhecimento e capacidades cognitivas para sobrevivermos,e para isso
necessitavamos de poder,e o conhecimento era a mais poderosa ferramenta para
isso,então...

*É inseparável e logo inevitável evitar a "perfeita relação",entre o conhecimento e o
poder?*


Primeiramente concordamos que a ciência é a ferramenta mais útil para a busca de
"conhecimento útil",me refiro a conhecimento útil,o conhecimento que nos proporciona
poder,para além de nós,certo?
Segundamente,necessitamos responder duas perguntas antes,sendo a segunda respondida
automaticamente após a resposta da primeira.Primeira pregunta:

*O que é ciência?*


Sendo o termo ciência muito abrangente,não há uma definição concisa,mas antes de
definirmos o que é ciência,necessitamos saber o que o precede.A curiosidade humana só
surgiu de fato,depois de uma estabilização em sua sobrevivência,e um certo ganho da
linguagem,até onde conhecemos,o ganho da capacidade linguística,oriundo do ganho da
linguagem para nos comunicar e nos organizar de forma cooperativa,nos permitiu pensar
em termos abstratos,e futuramente as primeiras formas matemáticas,mas o que precedeu
tudo isso foi a nossa curiosidade,e o ganho da linguagem que nos permitiu desenvolver,uma nova forma de pensar,em símbolos.Foi assim que a matemática surgiu,a
ciência mãe de todas as ciências exatas,mas o que antecedeu a matemática,a curiosidade?
Mas o que é a curiosidade? A curiosidade surge quando queremos saber algo que não
sabemos e que quase sempre não é necessário ter nenhuma noção do que é,para
queremos saber,logo a curiosidade,é *O DESEJO DE SABER.*Esse desejo é de fato a
antecessora suprema da ciência,assim como tudo em nós,é baseado em um desejo.Mas
em termos neurológico o que antecedeu a matemática,sendo que sem esta seria
impossível a matemática existir,foi uma nova forma de pensar,que surgiu com a mesclagem
de nossos instintos primitivos(Inteligência espacial;pensamento do agora) e de nossa mais
nova capacidade cognitiva adquirida,a linguagem.Tendo em base tudo isso,poderíamos
definir a ciência como:

*A mais recente e evoluída capacidade cognitiva,BASEADA EM UM
COMANDO(DESCOBRIR),em uma União de conjuntos(capacidades cognitivas),em um
sistema de apoio(A linguagem,símbolos,etc.) Que nos permite alcançar objetivos de
forma mais "simples" e segura.*


E o objetivo da ciência,é descobrir,conhecer.Que por si só não é maléfico,esse desejo
genuinamente nosso,é em si,empolgante,e revigorante,restaurar esse desejo nos cientistas
e mostrar a todos o que é ciência para que ocorra uma separação entre,o desejo político e a
ciência,é necessário,pois a ciência não é um desejo de poder em si,a ciência é a
materialização do desejo de conhecer,e isso implica apenas nisso,*CONHECER.*Tudo além
disso,não faz parte da ciência.

Então a ciência é a ferramenta mais poderosa e bem elaborada que o homem construiu,e
essa ferramenta serve em seu cerne,para desvendar os mistérios que a natureza
"esconde",então a ciência em si, é a concretização da busca do saber,o poder de conhecer
é o produto de uma busca,o que fazem com esse poder,não é de responsabilidade da
ciência.

A ciência é a mais genuína expressão humana,a materialização do grande desejo
humano...*CONHECER.*Levar esse conhecimento a todos,ou a quase todos,até que é
possível,porém difícil,agora conscientizar a todos,mudar a opinião de todos,é utópico,mas
essa será a solução encontrada no futuro,através de sofrimento ou não.

Como homo sapiens,estamos seguindo nossos instintos em busca de respostas,sendo que
o caminho certo ou errado,em si,não existe,existe o que trás menos dor,e o que trás mais
dor.Já respondemos de onde viemos e para onde vamos,então resta uma pergunta,*quem
de fatos somos?* A resposta entregue a nós,já não é satisfatória,pois não sabemos o que é
a consciência,e o que nos faz realmente nós,é a consciência,então se não sabemos o que
ela é,logo não sabemos quem somos.A resposta suprema que tantos buscamos é essa,mas
buscamos isso inconscientemente,desde que começamos a pensar.

Criado:30/07/2019
Oaj Oluap
Enviado por Oaj Oluap em 15/06/2020
Reeditado em 01/08/2020
Código do texto: T6977994
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Oaj Oluap
Juazeiro do Norte - Ceará - Brasil, 19 anos
97 textos (837 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/08/20 08:43)
Oaj Oluap