Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
*** MINHA LINDA FLOR ***
Terceto Palávrico (Lordeiro).
(Nº 01)

ABA – CBC – DBD – EBE - FBF
 
Você, minha linda flor poética.
Meu amor antigo sempre atual.
Nós adoramos a mesma música.
 
Amo, o nosso amor verdadeiro.
Paixão única primaveril e floral.
Amado amor fiel, amor parceiro.
 
Desde o início nasceu infinito.
Nosso encontro não foi casual.
Nos hieróglifos já estava escrito.
 
Vivemos o amor, nossa paixão.
É todo presente, tudo natural.
Minha musa, meu fiel coração.
 
Pensar minha vida sem você.
Dói fundo, não tem carnaval.
Vivemos pra nós, nessa mercê.
 
*************************
 
     Observações:
 
     Não posso dizer que criei uma nova modalidade poética, esse Terceto Palávrico (Lordeiro), tem cinco palavras por versos, considerando as vogais como uma palavra, com cinco estrofes em tercetos, posso dizer que é também uma modalidade poética bastante difícil.
  Quando eu vi aqui o medianeiro da poetisa Giovânia Correia, procurei fazer um mais fácil com mais palavras nos versos de três pra cinco, mas não adiantou, nos dois modos existem dificuldades.
    Agora passo a bola pro meus amigos poetas, espero que esse nosso Terceto Palávrico (Lordeiro) faça sucesso aqui no Recanto das Letras.
 
José Aprígio da Silva.
“Lorde dos Acrósticos”
Stenius Porto.
Ceilândia/DF.
Quinta-feira, 23 de maio de 2013 – 12h33.
JOSÉ APRÍGIO DA SILVA
Enviado por JOSÉ APRÍGIO DA SILVA em 04/06/2013
Reeditado em 11/06/2013
Código do texto: T4325731
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
JOSÉ APRÍGIO DA SILVA
Ceilândia - Distrito Federal - Brasil, 61 anos
1920 textos (183056 leituras)
1 áudios (52 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/04/21 11:13)
JOSÉ APRÍGIO DA SILVA