Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Esse (no nosso modesto entendimento) ERRO ORTOGRÁFICO no termo PROEZA (com Z)


                                        Veja em que nos baseamos para tal inferência :

                                        Pelas regras ortográficas existentes (tocantes ao emprego de S e Z nas terminações ESA e EZA), temos :

1) USAMOS A TERMINAÇÃO  E S A (com "s") :

    a) Em formas femininas, como : duquesa (feminino de duque),
        camponesa (feminino de camponês), e assim sucessivamente.

    b) Em substantivos primitivos (aqueles que dão origem a outras pala-
        vras), como por exemplo : mesa (que dá origem a mesada)...


2) USAMOS A TERMINAÇÃO  E Z A (com "z") :

    A P E N A S em substantivos derivados de um adjetivo.
    Ex.: Tristeza (substantivo derivado do adjetivo "triste").
           Riqueza (substantivo derivado do adjetivo "rico") e assim por
           diante.

    OBS. IMPORTANTE :  n u n c a    deve ser confundida uma forma de-
    rivada (como é o caso de riqueza, derivado de rico) com uma forma
    FEMININA (ex.: duquesa NÃO É FORMA DERIVADA de duque, mas
    sim, a forma feminina desta palavra).

                                     Ou seja (esta é a lógica que fundamenta
    nosso ponto de vista) :

    A palavra PROEZA (com z) NÃO se enquadra no requisito de ser
    substantivo DERIVADO DE UM ADJETIVO.

                                     Se o substantivo PROEZA não é derivado de
 um adjetivo (e não nos parece ser), DEVERIA SER ESCRITA COM S.

                                     (A única "justificativa" que poderia "explicar"
tal anomalia é o fato de a palavra PROEZA derivar da palavra francesa
"proece" e nessa conversão de outra língua para o Português, a letra
C de "proece" se transforma em Z. Isso também se aplicaria à palavra
VENEZA - que, pela mesma lógica, também deveria ser escrita com S -, cuja forma original é Venice, que segue, mais ou menos, a mesma estrutura da palavra PROECE).

                                     Deixo a questão à análise dos amigos especialistas em nossa Língua.
 
pedralis
Enviado por pedralis em 15/11/2019
Código do texto: T6795471
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
pedralis
Salvador - Bahia - Brasil
3839 textos (5268304 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/19 08:14)
pedralis