Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

“Sou meia dada à perca de peso”/errei?\

“Sou meia dada à perca de peso”.

Vejamos.

Meia = Metade – Trata-se de numeral fracionário – E os numerais fracionários sofrem flexão de gênero e número.

Então, você está afirmando algo sobre apenas uma metade sua: “meia (1/2) você”. Deixou a outra "metade de você" (1/2) fora da narrativa.

Para acabar de completar, o substantivo correspondente ao verbo “perder” é: “perda”.

Aqui vai uma explicação bem resumida pelo professor Reinaldo Passadori, do Instituto para Educação Corporativa (que leva o seu nome).
::::::::::::::::::::::::

ASPAS abertas//

Perca – é uma forma verbal, ou seja, flexão do verbo “perder”. Aparece na primeira e terceira pessoa do singular do presente do subjuntivo e na 3ª pessoa do singular do imperativo.
Exemplos:
a) Não perca tempo! (3ª pessoa do singular do imperativo)

b) Não quero que ele perca essa vaga! (3ª pessoa do singular do presente do subjuntivo)

c) Espero que ele não perca a cabeça ao conversar com ela. (3ª pessoa do singular do presente do subjuntivo)

Perda – é um substantivo que significa se privar (desapossar, excluir) de alguém ou de algo que se tinha. É fácil saber porque SEMPRE QUE FOR SUBSTANTIVO, admitirá um ARTIGO, PRONOME OU NUMERAL antes desse termo.

\\ ASPAS fechadas para o professor.
:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::
Voltando aqui, o Tex.

Já vemos aí que basta você imaginar colocar antes de "perda" uma das seguintes coisinhas: (a) perda; (uma) perda; (certas) perdas. Já soaria estranho ao ouvido se fosse com a palavra "perca": (a) "perca"; (uma) "perca"; (certas) "percas".

Então, por que não podemos dizer que você é “MEIA dada à perda de peso”?  Neste caso, tudo bem que você entendeu o uso de "perda" no lugar de "perca".

Mas, agora, é com o professor Sérgio Nogueira.

 ASPAS abertas para ele em: http://g1.globo.com/educacao/blog/dicas-de-portugues/post/entenda-quando-meio-e-numeral-e-quando-e-adverbio-de-intensidade.html

// A palavra "MEIO", quando significa “mais ou menos”, é advérbio de intensidade. Os advérbios são palavras invariáveis (=não se flexionam em gênero e número): “A aluna ficou meio nervosa”; “Os clientes saíram meio satisfeitos”; “A atleta está meio cansada”; “Ela é meio poderosa”...

\\ ASPAS fechadas para o professor Sérgio Nogueira.

Voltando aqui, para terminar, o Tex.

Então, moça, a não ser que somente uma metade do seu corpo costume aumentar de peso (enquanto a outra não engorda), eis aqui a maneira correta de escrever a afirmação que aparece no título aí de cima.

- “Sou MEIO dada à PERDA de peso”.

:::::::::::::::::::::::::::::::
Uma aula completa sobre “numerais” (como classe gramatical) está no seguinte link:

https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/gramatica/numeral-1.htm
:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

E que você NÃO fique nem “meia” nem “inteira” contrariada. No máximo: “meio” contrariada. Talvez até "inteiramente" (aí, sim: é um advérbio).

Um abraço inteiro do Tex.
 











Tex Rocketann
Enviado por Tex Rocketann em 12/03/2020
Reeditado em 12/03/2020
Código do texto: T6886408
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Tex Rocketann
Recife - Pernambuco - Brasil, 60 anos
751 textos (15491 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/04/20 13:06)
Tex Rocketann