Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Borboleta BIBI

BORBOLETA BIBI



Borboleta branca
De bolinhas prateadas
Suas asinhas lilases.
Citou versos, fez gestos
Alçou asas e voou...
Pelos ares de um palco
Onde Clevane, Poeta de ouro
Teve as Bodas celebradas
Num Castelinho Encantado
Extasiando os vivazes
E por ali pousou
Recitando o Poema
Onde tudo começou
De uma carreira brilhante
Que a poeta conquistou...
O início foi lembrado, declamado
E a história continua
É poesia, só poesia
A embalar corações, cantar verdades e emoções!
A poeta “Borboletinha”
Que faz poemas e contos
Já escreveu “A História da Magia”
Na minha estante é riqueza
Que guardo com  carinho...
Voe... ...Voe Sempre alto... Volte e pouse: No palco da Vida,
Nos jardins da existência, a expressar a essência
Dos escritos e poesias entre flores e amores
A exalar simpatia, com a MAGIA e a ARTE
De encher coração e olhares...
                                             
                                                 
(Sabrina Miranda Batista, aos 9 anos, declamou o primeiro poema da poetisa Clevane Pessoa de Araújo Lopes no Evento Poesia É OURO, no Centro de Cultura de Belo Horizonte, em 10-03-07)  MG
Graça Campos
Enviado por Graça Campos em 11/03/2007
Reeditado em 14/01/2009
Código do texto: T408899
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
Graça Campos
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 66 anos
88 textos (2465 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/09/20 19:51)
Graça Campos