Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


Agora eu sei
 

Quando criança queria ser como ele, forte,
inteligente, com soluções pra tudo e para todos,
em seus ombros estava seguro, nada temia,
não tinha oceano profundo para me assustar,
nos meus olhos de menino, era ele meu herói.
 
Nos tropeços, era dele o braço a amparar-me,
a calma, a infinita sabedoria a ensinar-me,
sua fala abraçava-me igual a seus braços,
era eu um adolescente de pulsar desmedido,
sem nada saber, querendo com seu herói aprender.
 
Feliz, agradeço a Deus quando me pego a recordar,
dos momentos vividos com meus filhos e meus netos,
respondendo duvidas, dando carinhos, tudo igual...
inconscientemente transmito o que sempre ganhei:
os ensinamentos e o imenso amor de meu pai.
 
Hoje sou pai, sou avô, mas para ele ainda sou sua criança.

 
 
 
“Nessa homenagem que faço ao meu pai, o meu carinho e o meu mais sincero desejo de um feliz dia dos pais a todos”


 
JR Cruz
Enviado por JR Cruz em 08/08/2013
Reeditado em 09/09/2013
Código do texto: T4425179
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
JR Cruz
Antônio Martins - Rio Grande do Norte - Brasil, 59 anos
294 textos (32334 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/09/20 08:33)
JR Cruz