Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEU PAI

Na imensidão da noite,
você me vem à lembrança,
que saudade eu sinto agora,
dos meus tempos de criança.

Velho Heitor bem humorado,
outras vezes , pensativo,
com todos os filhos do lado,
que tristeza ter partido.

Tempos bons de convivência,
em meio a intensa alegria,
desfrutados dia-a-dia,
sua doce companhia.

Neste mar de turbulências
em que paro pra pensar...
sinto -lhe todas as horas,
ensinando-me a navegar.

Lembro-me quando dizia:
_"nasci nu e estou vestido”,
simplicidade vadia,
no meio de seus amigos.

O seu exemplo de vida,
sempre guiou meus passos,
quisera eu neste dia...
poder dar-lhe meu abraço.

Obrigada Pai querido,
pelo amor e dedicação...
hoje tudo lhe devolvo,
em forma de oração.

Neste dia Pai amado,
beijo-lhe e afago saudosa...
e ofereço esta homenagem
em simples forma de prosa.

A todos os pais que encontrar,
nas vias onde o sol reluz,
meus votos de contínuo cintilar
como estrelas brilhantes de luz.




Elen Nunes
Enviado por Elen Nunes em 09/08/2007
Reeditado em 22/04/2008
Código do texto: T599052

Comentários

Sobre a autora
Elen Nunes
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 71 anos
511 textos (34441 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/19 06:04)
Elen Nunes