Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dignidade não tem preço

Dignidade não tem preço
Mas posso dizer agora te conheço
Para sempre vou te lembrar
E de uma forma especial vou te amar.
Você se foi jovem bela
E como presente deixou me vivi
Para chorar por ti
Não sei se um dia vou te encontrar
Mas quero te ver
Na inocência de uma criança
Em uma gota de orvalho, quero te sentir
No raio morno do sol
Por uma fresta um clarão da lua.
Uma grande história
Não se escreve
Com muitas palavras
Mas com atos.
E um pequeno gesto seu
De nobresa e bondade
Mudou minha vida
E o modo de ver a humanidade
Depois de te conhecer
Descobri
Nem tudo está perdido
Os seres humanos ainda tem jeito.

Josiane { saudades}
Asa de Alencar
Enviado por Asa de Alencar em 05/12/2017
Código do texto: T6190590
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Asa de Alencar
Itabira - Minas Gerais - Brasil
10 textos (72 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 21:26)