Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mulher

Mulher...


Quantos são os adjetivos que encontramos para qualificar a mulher???...
Mas, agora quero apenas pensar no que a mulher significa hoje para o mundo, qual a sua contribuição no crescimento e desenvolvimento das mais diversas áreas?
Quem é a mulher brasileira? Que retrato você tem em mente quando pensa na mulher?
 Será que é a mulher-mãe? Aquela que não sente dor, que não sofre, que não tem medo? Super-heroína!
 Será que é a mulher-gostosa? Ufa!!! Essa é a que arranca suspiro, a que não pode envelhecer, que faz loucuras para não perder o posto de mais bela, mais sexy e os cambal, a que garante aos mais soltinhos um momento de muita ‘FELICIDADE’? super-heroína!
 Será que é a mulher-operária? Essa não pode adoecer, não deve ser mãe, deve assemelhar-se a um robô e produzir, produzir e produzir sem olhar pra traz? Super-heroína!
 Será que é a mulher mendiga? Que muitas vezes dorme ao relento para dar ao filho o único jornal velho que conseguiu para aplacar o frio da noite, a que revira o meu lixo, o seu lixo em busca de algo que não SERVE mais para ser seu principal alimento, a que é tida como vagabunda por não ter emprego? Super-heroína!
 Será que é a mulher-executiva? Essa está sempre bem arrumada, com bom carro, boas roupas, não lhe falta nada em casa, nada que o dinheiro pode comprar.Mas, quem é que vai ser mãe dos seus filhos, quem os dará amor, a que horas vai dormir, quando dorme em sua cama? Super-heroína!
 Será que é a mulher-astronauta? A que vive no espaço ou se preparando para ele, que vive na incerteza do retorno ao lar, que muitas vezes deseja apenas beber água num copo e fazer xixi desamarrada?super-heroína!
 Será que é a mulher da favela? Aquela que vive no meio da guerra civil urbana, a que é monitorada 24h pelo traficante, sem saber se sua família vai conseguir voltar pra casa sem ser alvo de uma bala quase perdida que sempre encontra um corpo para se alojar, sem saber se seus filhos serão arrebatados do tráfico por alguma ONG ou se morrerá como tantos outros, vítima do sistema que governa aquele lugar?Super-heroína!
Tantas são as situações em que a força da mulher está inserida, que é fácil perceber que nada se faz sem essas mãos mais que talentosas que estão em toda parte e que faz a diferença no cenário brasileiro.
  Sem mencionar que as mulheres no mundo estão em patamares evolutivos bem diferentes das brasileiras.Onde umas são oprimidas ao extremo, outras são excessivamente libertas.Cada uma com sua história. Mas, todas lutando e mudando o cenário mundial com esse jeitinho que só nós temos.
  Eu sou uma dessas mulheres brasileiras que vim pra fazer a diferença! Luto pelos direitos humanos iguais, independentes de raça, credo, orientação sexual, posição social e luto pelo meu lugar ao sol.

                       Sílvia Rejane Trindade Menezes, em 08 de março de 2007.
Sílvia Menezes
Enviado por Sílvia Menezes em 25/09/2007
Código do texto: T667317

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sílvia Menezes
Aracaju - Sergipe - Brasil, 42 anos
4 textos (232 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 14:02)
Sílvia Menezes