Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Corvo e Eu

A noite em mim habita
Tem um corvo preso em meu peito,
Ele tenta me ludibriar pra sair, mas eu não deixo.
Há um corvo em meu peito, ele tenta todas as línguas pra não se sentir só,mas eu finjo que não o escuto, logo não o respondo
O corvo que existe em mim, se sente mais eu do que eu mesma.
Quando é chegada a hora eu deixo ele sair e pairar sobre minha cama, ele canta e eu sussurro pra sobreviver mais um dia.
O infeliz renasce todos dias, eu não.
Eduarda Vieira
Enviado por Eduarda Vieira em 07/11/2019
Reeditado em 07/11/2019
Código do texto: T6789581
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Eduarda Vieira
Extremoz - Rio Grande do Norte - Brasil, 19 anos
8 textos (222 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/11/19 16:54)
Eduarda Vieira