Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

METÁFORAS E DITADOS

Metáforas e Ditados

Não ponho a mão em cumbuca...
Posto que, macaca velha  me confesso
Nem tampouco dou ponto sem nós
Assim pela vida atravesso...

Com garra de loba vou vivendo
Devagar se vai ao longe, disseram
Não compro mais gato por lebre...
Não piso em rios que ressecam.

Não desço ladeiras de tamanco
Mas também  aprendi cedo
Que cavalo não desce escada
De temporal não sinto medo!

Também descobri bem rápido
Que, antes  causar inveja do que dó.
É que a vida é dura pra quem é mole...
E um verão não é feito por uma andorinha só.

Pelo mundo fui percebendo que:
Na boca de quem não presta, o bom não vale nada
Que a cólera não aceita a presença da razão
E que sua inveja é minha felicidade inata.

Que vaso ruim não quebra
Que a vida é dura pra quem é mole eu sei.
Vi a calúnia destruir o que anos constróem
Muita gente que  “balanceia”,mas não cai,achei

Amigo meu não tem defeito
Inimigo se não tiver, a gente coloca
O ócio é o pai de todos os vícios
E tatu vive bem na sua toca!

Se você  é meu amigo
Bons olhos o vejam, achegue-se a sua afim...
Mas se você não é amigo...
Fale mal, mas... fale de mim!

Agora vou terminar...
Porque a coisa é mansa,mas atropela ...
Em boca fechada não entra mosca....
Vamos parar com essa trela!!!!
Vera Ciuffo
Enviado por Vera Ciuffo em 14/09/2007
Reeditado em 29/08/2012
Código do texto: T651747
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (citar nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Vera Ciuffo
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil
91 textos (20289 leituras)
22 áudios (5775 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 07:07)
Vera Ciuffo