Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MAS

Seguir... sonoramente, poeticamente,
Mentecapta mente,
Sem promessas, sem pressa, sem sina.

Seguir... fluir... sentir a travessia,
As mudanças de cada dia,
Mulher-camaleoa-meinina.

Seguir... suprimir do olhar o limite.

Quisera! Mas, a realidade não permite.
- - - - - - - - - -

 HLuna
TUDO PASSA 

A realidade é bem diferente,
do que eu sonhei um dia.
Eu sonhei, mas não podia... 

Podia não, coração,
o sonho é só ilusão,
não era o que eu queria. 

Nesta vida tudo passa. 

Passa, passa e perde a graça.




 
DELEY
Enviado por DELEY em 14/04/2019
Reeditado em 15/04/2019
Código do texto: T6623411
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
DELEY
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
5209 textos (198341 leituras)
4 e-livros (1661 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/05/19 15:56)
DELEY